Conteúdo por Gazeta Esportiva

Diniz lamenta demissão e critica dirigente após pressão por resultados

Diniz foi demitido nesta segunda-feira (Foto: Divulgação)

Após a confirmação de sua demissão, o técnico Fernando Diniz concedeu uma entrevista coletiva para falar sobre a saída do comando do Fluminense. O treinador revelou que só foi comunicado nesta segunda-feira e lamentou a decisão da diretoria tricolor.

“Eu fiquei sabendo hoje pela manhã. Apenas fui comunicado. Tomei café da manhã com Mário (Bittencourt, presidente) e Angioni (diretor executivo). Recebi a notícia com muita tristeza. Acredito que o trabalho iria gerar frutos melhores do que o resultado no Brasileiro. Eu esperava os dois cenários. Não sou ingênuo de achar que não tinha risco de demissão, mas achava que tinha tempo para passar na Sul-Americana e recuperar no Brasileiro” disse.

Diniz elogiou o elenco tricolor, que até após a derrota para o CSA defendia a permanência do treinador. O comandante crê na volta por cima da equipe na temporada.

“Sou grato aos jogadores, tivemos uma relação intensa. Eles têm condições de jogar futebol. Talvez a minha saída diminua a pressão. Acredito que o time vai decolar no Brasileiro e passar na Sul-Americana”, declarou.

Por fim, Fernando Diniz elogiou o presidente Mário Bittencourt, mas criticou o vice, Celso Barros. O dirigente, em entrevista na semana passada, pressionou a comissão técnica ao afirmar que sem resultado o trabalho não deveria continuar.

“Eu agradeço às pessoas que merecem ser agradecidas. E são essas três, Abad, Fabiano e Mário. Eu tive uma conversa profunda com o Mário, um amigo que eu fiz. Os jogadores são muito maiores do que aquele tipo de entrevista. Agora, as declarações dele deixaram nas entrelinhas de que o trabalho deveria ser interrompido, mas quem tem de responder é ele. Não saio magoado com Celso. Só fico magoado com quem eu gosto e com quem gosta de mim”, comentou.

Diniz chegou ao Fluminense nesta temporada. Em 44 jogos, obteve 18 vitórias, 11 empates e 15 derrotas. Enquanto os tricolores estão nas quartas de final da Sul-Americana, no Campeonato Brasileiro a equipe carioca está na zona de rebaixamento, com apenas 12 pontos.

A diretoria do Fluminense busca anunciar o substituto de Fernando Diniz. Abel Braga foi o primeiro a ser contactado e negocia seu retorno às Laranjeiras. Até não definir o novo treinador, o auxiliar Marcão vai comandar interinamente a equipe. O primeiro compromisso do profissional será nesta quinta-feira, contra o Corinthians, pela Sul-Americana.

Mais Esportes