Em duelo de muita trocação, Wolverine vence Junior Hernandez

Atletas protagonizaram duelo inteiro na luta em pé e brasileiro venceu por decisão unânime

Primeiro brasileiro a subir no octógono para o UFC Fight Night: Henderson x Thomson, Wolverine venceu Junior Hernandez, em luta que aconteceu neste sábado, em Chicago, nos Estados Unidos. Após três rounds de muita trocação, o brasileiro foi declarado vencedor por decisão unânime dos juízes.

O duelo entre Wolverine e Hernandez foi todo realizado na luta em pé. Mostrando um ótimo condicionamento físico, o brasileiro foi mais rápido que seu oponente e se deu melhor durante a trocação.

Logo no início do combate, Wolverine acertou um direto que derrubou Hernandez, mas o americano conseguiu levantar-se rapidamente. Durante o restante do combate, Hernandez dominou o centro do octógono e passou a perseguir o brasileiro, mas levava a pior quando encurtava a distância. Somente no assalto final, quando foi para o “tudo ou nada”, o americano conseguiu acertar bons socos no ex-participante do TUF Brasil 1.

Com a vitória, Wolverine se recupera do revés sofrido para T.J. Dillashaw em abril do ano passado. O brasileiro agora possui um cartel de oito vitórias e apenas uma derrota na carreira. Já Hernandez sofreu sua segunda derrota consecutiva nas duas lutas que realizou pelo Ultimate.

A LUTA
1º Round
Wolverine começou dominando o centro do octógono e, logo no início do combate, acertou um direto que derrubou seu adversário. O brasileiro chegou a partir para cima de Hernandez, mas o americano conseguiu se levantar rapidamente. No restante do round, Wolverine mostrou-se bem mais rápido que seu oponente e levar vantagem na trocação.

2º Round
No segundo assalto, Wolverine continuou melhor na luta em pé, alternando golpes no tronco e no rosto de seu adversário.  Hernandes tomou o centro do octógono, mas não conseguiu ser muito ofensivo. Quando o americano encurtava a distância, o brasileiro conseguia fazer bons giros pelo cage e se afastava golpeando. 

3º Round
Hernandez voltou mais ofensivo para o último ataque e tentou encurralar o brasileio mas, novamente, não conseguiu acertar muitos golpes. Mais rápido que seu oponente, Wolverino conectava bons socos e girava pelo octógono. No minuto final, o americano foi para cima com tudo e passou a perseguir o brasileiro no cage, usando até provocações, mas não conseguiu acertar nenhum golpe contundente. 

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...