Conteúdo por Gazeta Esportiva

Em nota, Palmeiras chama protestos da torcida de “absurdos e incompatíveis”

Por meio de nota oficial, o Palmeiras respondeu as manifestações realizadas neste sábado por integrantes da Mancha Alvi Verde na Academia de Futebol. Além de garantir que serão tomadas providências em relação ao ocorrido, o Verdão também criticou os protestos.

“A Sociedade Esportiva Palmeiras considera totalmente incompreensível a manifestação de alguns torcedores na tarde deste sábado na porta da Academia de Futebol. Não vamos compactuar com ameaças e violência. Todas as providências em relação ao episódio de hoje estão sendo tomadas”, escreveu o clube.

(Foto: Reprodução/Twitter)

Os torcedores presentes no CT da equipe levaram cartazes com frases de ordem e ameaças aos comandantes do Palmeiras, tendo o técnico Felipão como um dos principais alvos. Nas faixas, apareciam mensagens como “Clássico vale vida” e “Felipão dono do Verdão?”. Além disso, os manifestantes entoaram: “Felipão, vai se f…, se não ganhar amanhã, é você quem vai morrer”.

No nota, o Verdão ainda se defende, enaltecendo o trabalho das últimas temporadas e condenando as reclamações da torcida organizada. “Temos total convicção de que o trabalho dos últimos anos resgatou o orgulho do nosso torcedor e o valor da nossa marca. Por isso, manifestações como a de hoje são totalmente absurdas e incompatíveis com a atual situação do clube”, completou o time alviverde.

Vice-líder do Campeonato Brasileiro, com 27 pontos, o Palmeiras disputa o Derby contra o Corinthians neste domingo, às 19h (de Brasília), na Arena de Itaquera, pela 13ª rodada da competição.

Futebol