Conteúdo por Gazeta Esportiva

Em sua terceira passagem no Avaí, Renato exalta evolução do clube e elogia elenco

São 89 jogos, 19 gols, 16 assistências e dois acessos (2016 e 2018). Renato tem história com a camisa do Avaí. O jogador chegou como lateral-direito na sua primeira passagem e no último dia 28 de maio foi apresentado como atacante.

Não foi apenas a posição de Renato que mudou. Com experiências em clubes importantes do futebol brasileiro, como Sport, Fluminense e Ceará, o versátil atleta fez questão de enaltecer a evolução estrutural do Avaí.

“Em relação a 2016, na primeira passagem, vejo um Avaí totalmente diferente no aspecto estrutural. Departamento médico e de fisioterapia, além da academia com novos aparelhos, muito mudados e para melhor. Essa ótima estrutura ajuda muito para prevenir lesões e quem ganha com isso é o time que pode contar ao máximo com os seus jogadores em alto nível”, opinou Renato, que tem 30 anos.

Renato está em sua terceira passagem pelo Avaí

Como não pode ser inscrito no Campeonato Catarinense de 2020 por já ter participado da competição pela Chapecoense, Renato está aproveitando ao máximo a estrutura azurra visando a Série B. “Tive que passar por um período de treinamento online, depois realizei os testes de covid-19 e só quando foi diagnosticado que estava bem é que comecei a treinar com o restante do elenco. Tenho um carinho muito grande pelo Avaí, pelos funcionários e pela cidade de Florianópolis. Sou feliz aqui e voltei para buscar o meu terceiro acesso”, admitiu.

Além do retorno de Renato, o Avaí também anunciou neste período da pandemia a chegada do experiente Ralf. O Leão tem um elenco repleto de jogadores vitoriosos e isso foi enaltecido pelo atacante. “Se for analisar o currículo dos jogadores do nosso elenco, é possível ver que a maioria jogou por clubes grandes e tiveram conquistas. Além disso, vejo um grupo com boas opções em todas as posições. Quem ganha com isso é o nosso treinador, Rodrigo Santana. Esperamos que todos possam corresponder a altura e que assim possamos conquistar os nossos objetivos”, finalizou.

Futebol