Conteúdo por Gazeta Esportiva

Especulado na Argentina e no Paraguai, Romero entra na última semana de Corinthians

O paraguaio Ángel Romero termina neste domingo a sua passagem pelo Corinthians e fica livre para assinar com qualquer clube que esteja interessado nos seus serviços. “Encostado” no elenco por não ter renovado o seu contrato desde janeiro deste ano, ele também vai ver se encerrar o longo período sem jogos oficiais por um clube.

Seu nome já foi vinculado ao Cerro Porteño, clube que o revelou para o futebol, e ao San Lorenzo, clube argentino que tenta se reforçar para a disputa do mata-mata da Libertadores da América no segundo semestre. Negociações com Atlético-MG e Cruzeiro esfriaram nos últimos dias.

Exaltado pelo profissionalismo dentro do clube, o atacante não faltou a treinamentos e só se distanciou do Alvinegro entre o final de maio e o começo de junho, quando, convocado para o período de treinos da seleção paraguaia, ficou com o elenco que disputou a Copa América.

O estafe do atleta, aliás, considera que ele não foi chamado para o grupo final da Copa América justamente pelo tempo sem atuar. Depois de se firmar como titular da equipe em 2016, ele não havia deixado de ser chamado em nenhuma ocasião para defender o seu país.

Mesmo fora dos planos no Timão, ele manteve-se ligado no dia a dia do clube. Além de participar dos treinos, chegando a quebrar um galho como lateral direito reserva na última semana, ele fez questão de acompanhar os amistosos realizados durante a parada para a competição continental de seleções.

Presente em 222 jogos com a camisa alvinegra, Romero tem 38 gols com a camisa corintiana, tornando-se o maior artilheiro estrangeiro da história do clube. Com 27 tentos, ele é também o jogador que mais fez gols na Arena Corinthians.

Futebol