Estevam Soares e Lusa se reinventam juntos para chegar à Série B

Longe dos holofotes nos últimos anos, Estevam Soares alia seus trabalhos de menor expressão com a necessidade de reinvenção da Lusa para devolver o clube à Série B

Divulgação

Depois de treinar grandes clubes como Palmeiras, Grêmio e Botafogo, Estevam Soares saiu de cena e aventurou-se em projetos de menor expressão. Após livrar o Rio Claro do rebaixamento no Paulistão deste ano, o experiente treinador recebeu a oportunidade de voltar a um grande clube e mostrar que ainda pode frequentar os principais centros do futebol.

Motivado pela superação que precisava demonstrar à crítica, Estevam encontrou em seu caminho justamente a Portuguesa, que vem de três rebaixamentos consecutivos (dois no Brasileirão e um no Paulista deste ano) e dada como “acabada” pela mesma crítica. A ambição dos dois se juntou e neste sábado, às 19h, diante do Vila Nova, no Canindé, Estevam e Lusa podem comemorar o acesso do clube à Série B do Brasileiro e festejar a lua de mel do casamento.

– Para mim será sensacional (o acesso). Eu já dei provas de que estou bem outra vez e pronto para trabalhar. Toda conquista, título e acesso é importantíssimo para o profissional. Especialmente no meu caso, será um fechamento com chave de ouro. Tudo é um recomeço, por isso o acesso seria muito bom para todos nós. É superação – disse, em entrevista ao LANCE!.

No mesmo caminho para se reerguer, a Portuguesa movimentou-se nos bastidores para alcançar fontes de renda para manter a folha salarial em dia e, trabalhando arduamente, aos poucos reerguer este clube tão tradicional.

– É fruto de um trabalho da diretoria. Os mesmos desmandos que fizeram aqui anos atrás, que jogaram a Portuguesa com dívida trabalhista e na Série C, esse pessoal aqui está reconstruindo. Acesso é muito importante porque vai garantir um calendário muito melhor em 2016 e, paralelamente, trazer aqueles cardeais que ajudam novamente – disse o comandante.

Para coroar o projeto, a Portuguesa precisa vencer por dois gols de diferença para inverter a derrota sofrida por 1 a 0 no primeiro jogo. Caso devolva o placar, a partida será decidida nos pênaltis. Para isso, Estevam manda um recado aos torcedores e pede apenas uma coisa. 

– Torcida tem que vir e jogar junto por 90 minutos. Eles têm que trazer a energia para cá. Acreditar!

Confira o BATE-BOLA com Estevam Soares, técnico da Lusa, ao LANCE!

Qual sua expectativa para este confronto tão importante?
A expectativa não poderia ser diferente. É uma partida importantíssima, jogo do ano, não só da Portuguesa, como dos dirigentes, atletas, comissão. Acesso para o profissional é muito importante, você alcança e dá um pulo para 2016. Isso é importantíssimo, para o clube não tem nem o que falar, principalmente a Portuguesa, que vem na descendente há alguns anos.

A Ansiedade pode dificultar a partida de alguma maneira?
Não. Não posso garantir como vai ser o jogo, mas no primeiro tivemos uma postura emocional muito boa, tivemos duas bolas na trave do Vila Nova e merecíamos até a vitória. Agora ansiedade todo mundo tem, torcedor, dirigente, treinador, mas desde segunda temos feito um trabalho muito forte em cima disso.

No que pensou no tempo em que esteve parado? Buscou estudar?
Eu ouço todo mundo dizendo que tem que ir à Europa. Acho bacana fazer isso. Se você tem condição de ficar um mês lá, vai lá. Mas vai ver o quê? Alguns treinamentos? Isso você no Brasil. Outro dia eu estava no Nacional e o treinador fazendo um treinamento eu tirei um treinamento pra mim, eu fazia aquele treinamento de uma outra maneira. Passei a incluir no meu trabalho. É importante reciclar, mas a principal reciclagem é o próprio profissional que faz consigo mesmo.

Por que apostou em projetos menores nos últimos anos?
Eu me acho tão capaz pelo que já fiz, que chega um momento que você se acha autosuficiente e vai para um time pendurado achando que vai salvar e não salva.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...