Evando elogia trabalho de Jorge Jesus: “Torço para ser campeão mundial”

O técnico do Avaí Evando Camillato, mais uma vez, se mostrou conformado com a situação avaiana e o placar da partida. Mesmo surpreso com o placar em si, ele lamentou a dificuldade de se marcar uma equipe como o Flamengo, elogiou o trabalho de Jorge Jesus e exaltou a presença de garotos da base, tendência que deve se repetir contra o Athletico-PR, domingo, na Ressacada.

Evando Camillato exaltou o trabalho de Jorge Jesus – Foto: Diogo de Souza/arquivo/ND

“Nós ainda vamos ver como está a situação do Caio [Paulista, que sentiu e foi substituído]. Com certeza vamos colocar o máximo de garotos. Foram sete hoje. Eu falei para eles desfrutarem do momento, pois havia 60 mil pessoas querendo ver um time campeão. Não esperávamos esse resultado, mas fico feliz de ter colocado atletas da base num jogo como esse, especial”, afirmou.

Evando também fez questão de elogiar o técnico Jorge Jesus, com quem trabalhou 16 anos atrás no Estrela Amadora, de Portugal. À época, o atual treinador do Leão tinha 24 anos.  “O professor Jorge foi uma referência como atleta. Eu tinha 24 anos quando trabalhei com ele. Ele me ensinou muitas coisas táticas”, relembrou.

Ainda nas palavras de Evando, o desempenho flamenguista não surpreende:  “Não me admira em nada o que aconteceu na carreira dele. Foi um cara que acrescentou muito na minha carreira e agora acrescenta muito ao futebol brasileiro. Agora torcemos para ele ser campeão mundial.”, concluiu.

Futebol