Conteúdo por Gazeta Esportiva

“Faltou concentração”, afirma jogadores do Equador após nova derrota

Os jogadores do Equador não esconderam a decepção após mais uma derrota nesta Copa América. Na Arena Fonte Nova, em Salvador, a seleção tricolor entrou em campo nesta sexta-feira buscando não deixar a vaga às quartas de final virar um sonho muito distante, porém, a falta de concentração acabou pesando no fracasso de Arboleda e companhia, que acabaram perdendo por 2 a 1.

“O Equador mostrou outra atitude, foram dois jogos muito difíceis, mas por aí vimos que o time saiu com outra atitude, outra mentalidade, isso que conta. Vamos tentar descansar, analisar o que foi feito de certo e de errado. O que faltou foi um pouco mais de concentração, creio que nesse tipo de torneio, se você se descuida, você se complica, porque está encarando os melhores do mundo”, afirmou o goleiro Domínguez.

Em relação à goleada sofrida para o Uruguai por 4 a 0 na estreia, o Equador entrou em campo nesta sexta-feira com nada mais, nada menos que seis mudanças. Buscando resolver os problemas expostos diante de Cavani, Suárez e companhia, o técnico Hernán Gomez viu seu plano cair por terra graças aos gols chilenos marcados no início do primeiro e segundo tempos.

“O professor sempre procura o melhor para a seleção, não acho que isso [mudanças] sejam frutos de sua imaginação. Ele é o técnico, ele é quem manda. Se ele fez essas mudanças é porque ele viu que as coisas iriam funcionar do jeito que ele imaginava”, completou.

Agora, o Equador terá de vencer o Japão na última rodada e torcer por um empate entre Argentina e Catar para garantir uma vaga nas quartas de final da Copa América, algo um tanto quanto improvável.

“Fizemos um grande esforço, acho que estamos pecando pela falta de concentração, temos que estar atentos a isso, por isso não fizemos bons jogos”, concluiu Enner Valencia, autor do gol equatoriano em Salvador.

Copa América