Conteúdo por Gazeta Esportiva

Felipão diz que só falará em coletiva quando Verdão empatar ou perder

Atualizado

Luiz Felipe Scolari foi mais uma vez o centro das atenções no Palmeiras após o empate em 1 a 1 com o Corinthians, em Itaquera. Passada a partida, o treinador revelou à imprensa que só dará entrevistas coletivas quando sua equipe empatar ou perder. Em caso de vitória, o auxiliar Paulo Turra assumirá seu lugar.

“Vou aproveitar aqui para dizer: semana que vem, ganhando, é o Paulo Turra quem vai dar entrevista. Quando empatar ou perder, venho eu. Foi o chefe que determinou”, afirmou Felipão.

Quando questionado sobre quem seria a chefia que teria ordenado essa nova ordem nas entrevistas pós-jogo do Palmeiras, Felipão sorriu e disse: “Sou eu”.

A assessoria de imprensa do Palmeiras não soube informar aos jornalistas se essa informação dada por Luiz Felipe Scolari era legítima. O departamento de comunicação irá aguardar o resultado do jogo contra o Bahia para descobrir se o que Felipão disse à imprensa se confirmará.

Futebol