Conteúdo por Gazeta Esportiva

Felipe Melo defende Gabriel Jesus: “Também precisa ajudar na marcação”

Convocado e bancado pelo técnico Tite, Gabriel Jesus vem sofrendo com a pressão na Seleção. Titular contra o Peru e Paraguai e saindo do banco de reservas contra a Bolívia e a Venezuela, o atacante segue zerado no tempo normal na Copa América, marcando apenas nas cobranças de pênaltis das quartas de final. Em evento da Adidas, na Vila Leopoldina, o palmeirense Felipe Melo defendeu o centroavante e acredita que as características de Jesus são fundamentais no futebol moderno.

“As pessoas falam tão mal do Gabriel Jesus, mas o tanto de bola que ele roubou, a forma com que ele faz os movimentos. Eu acho que é por isso que ele, logo no primeiro ano na Inglaterra, triunfou bastante, justamente por esse espirito. Hoje não existe mais um jogador que vai ficar ali na frente fazendo golzinho, o cara também precisa ajudar na marcação”, disse o volante, antes mesmo das quartas de final do torneio, quando o atacante converteu a última cobrança do Brasil contra o Paraguai.

Gabriel Jesus ainda não balançou as redes na Copa América (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Além de defender Gabriel Jesus, Felipe Melo também avaliou o próprio momento, pois vive excelente fase com a camisa do Palmeiras. Praticamente intocável entre os titulares, o experiente jogador já atuou em 26 partidas no ano. O Verdão voltou às atividades na última segunda-feira e se prepara para o restante da temporada.

Atualmente, o clube paulista lidera de forma invicta o Brasileirão, está nas oitavas de final da Copa Libertadores e nas quartas da Copa Brasil.

“O momento que eu vivo é coletivo, porque se você colocar no individual, desde que eu cheguei aqui eu tenho uma regularidade muito boa. Então o coletivo do Palmeiras nesse momento é muito importante.Esperamos continuar assim, voltar dessa parada, trabalhar forte e assim como os outros, melhorar para a sequência da temporada”, concluiu Felipe Melo.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Futebol