Flamengo goleia o Sport e se mantém na liderança do Brasileiro

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – O Flamengo goleou o Sport por 4 a 1, neste domingo (29), no Maracanã, e se manteve na liderança do Campeonato Brasileiro por mais uma rodada. Réver, Lucas Paquetá, Éverton Ribeiro marcaram para os cariocas, enquanto Cláudio Winck descontou para os pernambucanos.

Com o triunfo, o Flamengo chegou a 34 pontos e se manteve com dois de vantagem sobre o São Paulo, que passou pelo Cruzeiro, fora, por 2 a 0. Já o Sport somou a quarta derrota consecutiva, está empacado nos 19 pontos e começa a se aproximar da zona de rebaixamento. O time pernambucano é o único do Brasileiro que ainda não venceu após o recesso da competição para a disputa da Copa do Mundo.

Nesta semana, o Flamengo terá uma “overdose” de Grêmio pela frente. Na quarta, encara os gaúchos, em Porto Alegre (RS), pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. No sábado, os recebe no Maracanã pelo Campeonato Brasileiro. Já o Sport tem a Chapecoense como próximo adversário, em casa, no dia 5.

O Flamengo foi impulsionado por um estádio lotado com mais de 58 mil pessoas e tomou conta da partida desde os primeiros minutos. O gol de Réver logo aos 13 do primeiro tempo deu ainda mais confiança e tranquilidade aos comandados de Mauricio Barbieri. O Sport tentava explorar os contra-ataques na velocidade de Michel Bastos, Marlone e Gabriel.

Após o susto com o empate no fim da etapa inicial, em gol de cabeça marcado por Cláudio Winck, o Flamengo voltou fulminante no segundo tempo e liquidou a fatura fazendo três gols em 18 minutos.

Na etapa final, o Sport teve pouquíssimo tempo para comemorar, já que logo aos dois minutos, Uribe escorou de cabeça, o zagueiro Ronaldo Alves falhou e Lucas Paquetá, esperto, fez o 2 a 1.

Passados apenas três minutos, a zaga do Sport voltou a falhar e Éverton Ribeiro, com categoria e de fora da área, chutou no ângulo esquerdo para ampliar. Aos sete minutos do segundo tempo, após lindíssima jogada de Marlos, que fez fila, Paquetá recebeu na área e bateu de cavadinha na saída de Magrão. A bola foi para fora com perigo.

O experiente Magrão acabou falhando no quarto gol do Flamengo. Aos 18min, Uribe matou no peito e chutou fraco, de canhota, a bola quicou na grama e enganou o goleiro do Sport, decretando o placar final.

Surpresa para muitos, o atacante Guerrero começou no banco de reservas contra o Sport. Após pedidos da torcida, o peruano entrou somente aos 28 minutos do segundo tempo. Seu contrato atual se encerrará em agosto e ainda não se sabe se ele permanecerá na Gávea.

FLAMENGO

Diego Alves; Rodinei, Réver, Leo Duarte, Renê; Cuéllar, Paquetá, Diego (Guerrero); Marlos Moreno (Jean Lucas), Éverton Ribeiro (Geuvânio), Uribe. T.: Maurício Barbieri

SPORT

Magrão; Raul Prata (Cláudio Winck), Ronaldo Alves, Léo Ortiz, Sander; Deivid (Ferreira), Fellipe Bastos, Marlone; Michel Bastos (Carlos Henrique), Gabriel, Rafael Marques. T.: Claudinei Oliveira

Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro

Juiz: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)

Cartões amarelos: Léo Duarte (Flamengo); Raul Prata (Sport)

Gols: Réver, aos 13min do primeiro tempo, Lucas Paquetá, aos 2min do segundo tempo, Éverton Ribeiro, aos 5min do segundo tempo, e Uribe, aos 18min do segundo tempo (Flamengo); Cláudio Winck, aos 43min do primeiro tempo (Sport)

Mais conteúdo sobre

Esportes