Fluminense apoia arbitragem de vídeo: ‘Quem ganha é o futebol’

Após exigências de Del Nero, diretoria tricolor se posiciona e diz que não vê problemas em aderir uma medida que tenha como objetivo minimizar o risco de erros

 Pedro Abad - (Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C.)
Pedro Abad – (Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C.)

Após o polêmico gol marcado por Jô na última rodada do Brasileirão, o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, tomou medidas drásticas. Nesta segunda, exigiu que a arbitragem do campeonato use o recurso de vídeo na próxima rodada, já no próximo sábado. Procurado pela reportagem do LANCE!, a diretoria do Fluminense se posicionou e não vê problemas na decisão.

– Qualquer medida que tenha como objetivo minimizar o risco de erros é positiva. O futebol envolve muito investimento de diversas partes, existe um planejamento das equipes e um erro de arbitragem pode interferir diretamente no resultado – afirma Pedro Abad.

A exigência da CBF, no entanto, ainda não está confirmada para os próximos jogos. Mesmo que não seja aderida, o presidente tricolor acredita que o futebol só tem a evoluir com medidas desse tipo.

– Tudo que for para contribuir no nível de decisão é válido. Vamos aguardar para conhecer o processo decisório, e se for isento, quem ganha é o futebol – conclui.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...