Conteúdo por Gazeta Esportiva

Gabriel Jesus fica na bronca com Casagrande após conversa em elevador

Atualizado

O atacante Gabriel Jesus teve provavelmente o seu jogo mais emblemático com a camisa da Seleção Brasileira na noite desta terça-feira, contra a Argentina, no Mineirão, pela semifinal da Copa América, mas não foi só sorrisos após o 2 a 0. Questionado na zona mista do estádio sobre um papo com Casagrande, a princípio um incentivo, ele disse não ter gostado do que ouviu.

“Na verdade, ele não falou assim, não, mas tudo bem”, afirmou ele para o SporTV ao ser questionado se o ex-atacante da Seleção, hoje comentarista da TV Globo, havia dito que o seu gol sairia no embate contra Messi e companhia. Jesus não explicou qual seria o motivo do seu incômodo.

“Alguns dos meninos que estavam no elevador até me zoaram que eu não respondi. Fui muito educado porque eu tive educação da minha mãe. Óbvio que ele brincou ali, não foi nessas palavras (que o repórter disse). Não gostei, óbvio”, observou, voltando a lembrar a influência da sua mãe, Vera, na resposta calma.

“Porém, minha mãe educou os seus filhos para poder responder educadamente. Fico feliz pela partida da equipe, pela vitória, pela classificação, pelo gol, deixo bem claro que o que importa é a vitória. Estou muito feliz”, continuiou o atleta do Manchester City.

Em conversa com o GloboEsporte.com, Casão justificou o que disse para Jesus e afirmou não ter entendido o motivo da reação do atleta.

“Falei para ele que centroavante é assim mesmo, eu fiquei sem fazer gol um tempão e o gol sempre sai no melhor jogo. O importante foi que ele fez o gol e uma p*** jogada no segundo gol”, respondeu o atacante da Seleção na Copa de 1986.

Copa América