Conteúdo por Gazeta Esportiva

Haas perde principal patrocinador por “desempenho ruim”

A multinacional de bebidas Rich Energy anunciou o rompimento do contrato de patrocínio com a Haas na Fórmula 1 nesta quarta-feira. Por meio de uma publicação nas redes sociais, a multinacional revelou que a decisão aconteceu por causa dos maus resultados da equipe na principal categoria do automobilismo mundial.

“Hoje a Rich Energy encerrou o contrato com a Haas pelo desempenho ruim. Nossa meta era superar a Red Bull e ficar atrás da Williams na Áustria foi inaceitável. A política e atitude na F1 também estava inibindo nosso negócio. Desejamos tudo de bom para a equipe”, afirmou a multinacional em publicação no Twitter.

A empresa britânica estava envolvido em uma batalha judicial com a compatriota Whyte Bikes, que acusou-a de copiar seu logotipo, um cervo. A Rich Energy perdeu a briga e teve que retirar seu emblema dos carros da Haas no GP do Canadá.

Com nove corridas já disputadas na temporada, a escuderia ocupa apenas a nona e penúltima colocação no Mundial de Construtores, apenas na frente da Williams. Para piorar, não somou sequer um ponto nas últimas três corridas.

Mais Esportes