Hemerson Maria apresentado no Figueirense garante “suor”, mas lembra: “não sou salvador

O Figueirense apresentou na tarde desta quarta-feira (5), no estádio Orlando Scarpelli, o técnico da equipe para a próxima temporada, que inicia no próximo dia 2, Hémerson Maria. O profissional, que trabalhou por quase dez anos no bairro do Estreito, volta ao clube oito anos depois “mais maduro”, mas com uma importante ressalva: “não sou o salvador da pátria”.

Ainda é dezembro e o calendário aponta para 2018, mas no bairro do Estreito, em Florianópolis, o momento é de “pré-temporada”.

O novo comandante da equipe chegou, não deu nomes nem fez grandes promessas para o ano, mas assegurou “suor” e “muita força de vontade” para a equipe que começa a ser formada.

Futebol terá mudanças

Logo após a fala de Hemerson Maria, o diretor de futebol do clube, Felipe Faro, explicou o trabalho que está sendo desenvolvido para a próxima temporada. Ele garantiu que o clube está buscando resolver o problema financeiro que assolou o alvinegro, sobretudo, no segundo semestre. 

O Figueirense ainda não anunciou nomes e, até o momento, conta com os 12 atletas com contrato até o final de 2019, mais quatro jogadores que foram promovidos das categorias de base. 

Futebol