Hemerson Maria valoriza o grupo e admite que “o resultado está acima do desempenho”

De bem com a vida, o Figueirense se reapresentou para o duelo diante do Joinville, no sábado (2), às 19h. Sem muito tempo para descanso e treinamento, o técnico Hemerson Maria fez questão de valorizar o grupo e justificar o revezamento aplicado, sobretudo, no empate frente ao Metropolitano, onde o time entrou com sete alterações em relação ao clássico. Para o jogo contra o JEC a tendência é de mais mudanças na equipe.

O líder isolado e invicto Figueirense não está no topo em vão. Pelo contrário. A comissão técnica, na liderança do treinador Hemerson Maria, defende que o trabalho realizado no bairro do Estreito é sério e há uma preocupação com a recuperação e retomada da credibilidade no clube. Os resultados, na voz de Maria, estão acima do desempenho.

“Eu confesso para vocês, não esperávamos um começo tão bom e os resultados são superiores ao desempenho. Eu sei que esse time pode render mais”, pontuou o técnico.

Uma das apostas da comissão é o meia-atacante Matheuzinho, autor do gol diante do Metrô. Ele revela sua tripla alegria ao marcar o primeiro como profissional, em frente ao torcedor e no dia do aniversário da sua mãe.

“Estou há oito anos aqui e o sonho de todo jogador de base é estar no profissional de um time grande. Foi um presente para mim o meu primeiro gol pelo clube e também para minha mãe que estava de aniversário”, descreveu o atleta, em entrevista na tarde desta quinta-feira (31).

Para o duelo contra o JEC o meia Juninho, de fora desde o clássico, vai ficar parado por três semanas em função de um estiramento no joelho direito. Rubens, o centroavante, precisa ser reavaliado e a tendência é que o jovem Matheus Lucas se mantenha no comando do ataque.

Nesta sexta-feira (1º) o clube apresenta mais um zagueiro: Ruan Renato que já vinha treinando com o elenco principal e está a disposição de Maria. Outra novidade para o jogo no Norte é o atacante Willian Pop, liberado no BID (Boletim Informativo Diário) ainda na quarta-feira.

Pelo lado do Tricolor do Norte, o time de Zé Teodoro busca sua primeira vitória na competição. São quatro empates e uma derrota até aqui.

Grupo do Figueirense comemora o gol de Matheuzinho - Hermes Bezerra/FFC/divulgação
Grupo do Figueirense comemora o gol de Matheuzinho – Hermes Bezerra/FFC/divulgação

Futebol