Conteúdo por Gazeta Esportiva

Instituto Próxima Geração doa 100 cestas básicas para famílias de projeto local

Atualizado

O Instituto Próxima Geração, coordenado pelo ex-tenista profissional Mauro Menezes, entrou na luta no combate à pandemia provocada pela Covid-19. Nesta quarta-feira, a entidade recebeu 100 cestas básicas e, ao lado do banco BV, doou para as famílias de todos os alunos integrantes do projeto Próximos Campeões, uma iniciativa da organização que ensina tênis para crianças e adolescentes entre 8 e 18 anos.

“Inicialmente, as cestas serão oferecidas por três meses consecutivos”, contou Menezes. “É a forma que encontramos para amenizar a dificuldade que o isolamento social está causando sobre a população carente”.

Instituto doará cestas básicas por três meses a famílias do projeto Próximos Campeões (Foto: Divulgação/Instituto Próxima Geração)

As cestas foram entregues na forma de cartões digitais em diferentes horários ao longo do dia, evitando aglomerações. “O fato de ser um cartão digital permitirá que o consumo seja feito dentro da própria comunidade, incentivando o comércio local e minimizando os efeitos da crise”, explica Douglas Santana, que dirige o Instituto ao lado do ex-tenista.

“É incrível ter o BV ao nosso lado nesse momento, possibilitando a solidariedade com tantas famílias. Mostra a força desta parceria, e reforça nossa preocupação acima de tudo com o ser humano”, destaca Menezes.

Além do Instituto Próxima Geração, o banco apoia o Instituto Reação, de Flávio Canto e David Moura; o Serginho10, de Serginho; o M4 nas Escolas, de Marcelinho; e o Instituto Esporte e Educação, de Ana Moser, além de institutos parceiros de Bob Burnquist.

O BV tem em andamento também uma campanha de arrecadação online. Para cada R$ 1 doado por pessoa física, o banco doará a mesma quantia, até o total de R$ 10 milhões (no momento a arrecadação está em R$ 661 mil). Já os R$ 30 milhões doados no fim de março foram voltados, prioritariamente, para a compra de insumos hospitalares e distribuição de itens de primeira necessidade aos projetos sociais que já mantêm relacionamento com o banco.

O BV também criou uma linha de crédito de R$ 50 milhões para fornecedores nacionais de equipamentos e serviços hospitalares essenciais no combate à Covid-19. Os valores arrecadados beneficiarão todas as regiões do Brasil, com foco nas localidades mais impactadas pelo novo coronavírus. Além de hospitais, famílias atingidas pela doença e em estado de vulnerabilidade social serão assistidas.

Tênis