Joinville e Figueirense reeditam final “modificada” no Scarpelli

Do primeiro jogo da decisão de 2015, apenas cinco atletas titulares estarão em campo no sábado (12)

Carlos Junior/ND

Zagueiro Bruno Aguiar, volante Anselmo e atacante Welinton Júnior estavam no grupo do Catarinense 2015

Menos de um ano depois, Joinville e Figueirense voltam a se enfrentar pelo Campeonato Catarinense no Orlando Scarpelli na próxima rodada. O duelo de sábado (12), vale pela segunda rodada do returno do Estadual de 2016. Mais do que isso, ambos entram em campo depois de decepcionarem na primeira fase da competição em que foram finalistas de 2015.

Da primeira partida da final do ano passado, terminada em 0 a 0 em Florianópolis, dia 26 de abril, muita coisa mudou, inclusive as equipes.

Taça que veio e que foi, tribunais à parte, em campo, os times serão outros praticamente, a julgar pelas prováveis escalações. Do Figueirense que entrou em campo naquela partida de ida da decisão do Catarinense 2015, apenas o zagueiro Marquinhos e o meia Ricardinho devem atuar no sábado no time de Vinícius Eutrópio, à época comandado por Argel Fucks.

No lado Tricolor, mesmo com o retorno de Hemerson Maria, depois de uma frustrante Série A de Campeonato Brasileiro, apenas três atletas devem voltar ao Scarpelli pelo Catarinense um ano depois. Na final de 2015, Bruno Aguiar, Naldo e Welinton Júnior devem ser as repetições do JEC em relação aquele duelo, mesmo que ainda tenha em seu elenco muitos atletas que disputaram o Catarinense do ano passado como Anselmo, Kadu e o próprio goleiro Agenor.

Um dos jogadores que estava naquele grupo, mas que não podia atuar no Catarinense, por já estarem encerradas as inscrições em março, quando chegou, o lateral-direito Mário Sérgio não toca no assunto final e 2015, mas reforça a importância da vitória por se tratar de um clássico. “É outro campeonato. Quando fala de Joinville e Figueirense é uma disputa a mais por ser clássico. A gente sabe da importância deste confronto e com certeza vamos para buscar os três pontos”, disse, projetando uma boa sequência ao Tricolor após a vitória diante do Guarani, na abertura do returno.

Time deve ter três atacantes

O treino de quinta-feira (10) deu uma certeza em relação ao time que entra em campo no sábado. Assim como na quarta-feira (9), o técnico Hemerson Maria treinou o JEC com três atacantes: Juninho, Welinton Júnior e William Paulista. Se na quarta o time teve quatro volantes, com o time atuando com 12 em campo, ontem Diego Felipe e Kadu formara o meio, ora com Anselmo, ora com Diones, com Naldo treinando no time de “baixo”, na atividade que visava ações ofensivas usando os lados do campo com cruzamentos dos laterais Edson Ratinho e Diego.

Figueirense – jogo ida da final de 2015

Alex

Fabinho

Marquinhos

Thiago Heleno

Cereceda

Paulo Roberto

França

Ricardinho

Clayton

Mazola

Marcão

Deretti

Dudu

Yago

Figueirense – provável para sábado (12)

Fernández

Leandro Silva

Marquinhos

Bruno Alves

Rodrigo Biro

Caucaia

Elicarlos

Ricardinho

Dodô

Carlos Alberto

Everton Santos

JEC – jogo ida da final de 2015

Oliveira

Sueliton

Bruno Aguiar

Guti

Rogério

Naldo

Augusto César

Marcelo Costa

Welinton Júnior

Tiago Luís

Kempes

JEC – provável para sábado (12)

Agenor

Edson Ratinho

Bruno Aguiar

Rafael Donato

Diego

Naldo

Anselmo

Kadu

Juninho

Welinton Júnior

William Paulista

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...