Joinville já usou 21 jogadores no Catarinense 2016

Na comparação com 2014 e 2015, JEC revezou mais atletas nos primeiros cinco jogos do ano

Carlos Junior/Arquivo/ND

Zagueiro e capitão, Bruno Aguiar quer time aprendendo as lições das últimas duas edições do Catarinense

Um dos grandes desejos do Joinville é repetir 2014. Foi naquele ano que o Tricolor foi vice-campeão do Catarinense, campeão da Série B e garantiu o Acesso à Série A do Campeonato Brasileiro do ano seguinte. Um dos grandes nomes daquela temporada, o técnico Hemerson Maria, estará no banco de reservas novamente a partir do próximo sábado, diante do Camboriú, no próximo sábado.

Um dos pontos a se equiparar com 2014 é de encontrar um time propriamente dito. A formação ideal, ou a falta dela, foi o principal motivo da demissão do técnico PC Gusmão e é justamente esse um dos desafios de Maria daqui para frente.

Até o momento, com cinco jogos disputados, o Joinville já utilizou 21 jogadores. Em 2015, com Maria no comando, foram 20 atletas utilizados nas cinco primeiras rodadas e 32 no total, contando Jael, que só atuou na segunda partida da final. Em relação a time titular, em 2015 o JEC não conseguiu repetir a equipe em mais de dois jogos seguidos e usou 18 atletas como titulares. Nesta temporada, mesmo que não tenha repetido escalação, o Tricolor teve 17 jogadores diferentes começando como titulares da equipe.

Ambas as temporadas, no entanto, ficam atrás da convicção mostrada no começo de 2014. Nas primeiras cinco rodadas daquele ano, Hemerson Maria usou 18 jogadores diferentes. Já como titulares, apenas 13 tiveram oportunidade. Apenas na 7º rodada, com Bruno Aguiar, e na 9ª com Jael, titulares a partir de então, que o número se aumentou para 15 usados como iniciantes de partida.

Em comum, é que nas três edições o Tricolor não teve um bom começo e sofreu com as vaias da torcida nas primeiras partidas. “Ninguém quer começar mal. Aconteceu nesses três anos, mas que bom que nos outros anos deu tempo de corrigir. Ano passado melhor ainda, que conseguimos o título dentro de campo. Temos de usar de lição esses dois anos”, relembrou Bruno Aguiar, zagueiro e capitão do Joinville.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...