Conteúdo por Gazeta Esportiva

Luis Enrique não é mais técnico da seleção espanhola

Na manhã desta quarta-feira, foi oficializada a saída de Luis Enrique do comando técnico da seleção espanhola. Em entrevista coletiva, Luis Rubiales, presidente da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF), anunciou a saída do treinador com a justificativa de problemas pessoais que não foram divulgados.

A iniciativa de deixar o cargo partiu do próprio Luis Enrique, e agora quem assume o cargo é Roberto Moreno, antigo auxiliar técnico.

“Luis Enrique nos comunicou que não continua como treinador. Pedimos que respeitem a sua intimidade. Estamos com ele, deixamos claro que as portas sempre estarão abertas. Acreditamos na equipe de Luis Enrique, são nossos valores. A decisão da Federação é que Roberto Moreno será o treinador, com as mesmas condições. Agradecemos ao Luis e ao Roberto. Estamos convencidos de que essa é a melhor opção”, disse Luis Rubiales.

Em março, Luis Enrique já havia abandonado a concentração da Espanha antes de uma partida diante de Malta, além de ter ficado de fora da convocação para duelos contra Ilhas Faroe e Suécia, pelas Eliminatórias para a Eurocopa. O comandante foi contratado em julho de 2018, permanecendo assim 11 meses no cargo.

Futebol