Mário Gobbi ignora xingamentos na inauguração da Arena Corinthians: ‘É o sábado da minha vida’

Torcedores critticaram e pediram a saída do presidente do Corinthians antes de a bolar rolar para o amistoso festivo de inauguração da Arena Corinthians

Divulgação

Emoções, presença da torcida e reunião de ídolos e ex-jogadores. A Arena Corinthians foi inaugurada neste sábado em grande estilo. Mas nem tudo foi festa. Antes de a bolar rolar para o amistoso entre Corinthians e Corinthians, alguns torcedores xingaram e pediram a saída do presidente Mário Gobbi. O dirigente, no entanto, ignorou as críticas.

– Eu defendo sempre a democracia, a liberdade de expressão. A liberdade de expressão é bonita. A torcida é soberana na hora de criticar. Quem sou eu para julgar o sentimento do torcedor? Faz parte, é um direito deles – declarou.

Apesar dos xingamentos, Gobbi ressaltou a importância deste sábado, dia 10 de maio de 2014. Mas precisou se preparar para segurar as lágrimas na hora de pisar no gramado.

– Hoje é o sábado da minha vida. O Corinthians, enfim, ganhou uma casa. Sou uma pessoa sensível, emocional, mas eu me preparei para não chorar hoje. O presidente do Corinthians não pode chorar. Preciso estar firme e forte aqui, com os pés no chão. É um dia histórico para o Corinthians – explicou.

Mesmo com algumas obras inacadas dentro e fora do novo estádio, o presidente corintiano afirmou que existem apenas “detalhes insignificantes” para o estádio ser entregue à Fifa.

– O estádio está pronto. Os pequenos detalhes que faltam são insignificantes. Ainda temos cerca de 30 dias para entregar tudo. Tenho certeza que vai ficar tudo pronto – finalizou.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...