Conteúdo por Gazeta Esportiva

Márquez conta com queda de quatro rivais para vencer na Catalunha

E pela quarta vez na temporada, Marc Márquez venceu uma corrida, dessa vez em seu país, no GP da Catalunha. A vitória veio com uma grande ajuda de Jorge Lorenzo, que na segunda volta da prova fez o favor de tirar os principais concorrentes de Márquez da disputa, ao cair e levar Andrea Dovizioso, Maverick Viñales e Valentino Rossi junto.

Com a confusão acontecendo de forma muito rápida, antes da queda, na largada, Márquez e Dovizioso disputavam a liderança após ultrapassarem Fabio Quartararo, que largou na pole. Viñales e Rossi buscavam se aproximar dos primeiros, enquanto Lorenzo, que largou em 10º, vinha fazendo uma volta rápida e conseguindo chegar no pelotão da frente. Foi quando ele se desequilibrou numa curva e levou junto os três pilotos. Após a queda, os quatro abandonaram a prova e deixaram Márquez livre para a vitória.

Sem os rivais na pista, o líder do campeonato teve vida fácil para se isolar na primeira colocação, deixando a briga pelos outros dois lugares do pódio. Danilo Petrucci, Alex Rins e Quartararo disputaram até o fim a segunda colocação, que terminou com o francês, após Rins cair e ter que se recuperar, terminando em quarto, o que lhe deixou na segunda posição no ranking geral, atrás apena de Márquez.

No total foram 11 pilotos sem terminar a corrida e apenas 13 conseguindo cruzar a linha de chegada.

Mais conteúdo sobre

Mais Esportes