Conteúdo por Gazeta Esportiva

Max Verstappen faz pole histórica no GP da Hungria

Atualizado

Na manhã deste sábado, o holandês Max Verstappen conseguiu uma marca histórica no treino classificatório do Grande Prêmio da Hungria, a 12° etapa da temporada 2019 da Fórmula 1.

Com tempo de 1m14s572, o piloto da Red Bull conseguiu não só a sua primeira pole na carreira, como também a primeira pole de um holandês na história. Além disso, Verstappen consegue também uma primeira colocação para a Honda depois de 13 anos. A última vez havia sido com Jenson Button, em 2006.

A segunda colocação ficou com Valtteri Bottas, da Mercedes, com Lewis Hamilton logo atrás, em terceiro. A Ferrari, por sua vez, teve de se contentar com o quarto lugar de Charles Leclerc e o quinto de Sebastian Vettel.

A largada para o Grande Prêmio na Hungria, no Circuito de Hungaroring, está marcada para às 10h10 (horário de Brasília) deste domingo.

Logo no Q1, Charles Leclerc errou na última curva, rodou e bateu com a parte traseira do carro na barreira de pneus. Os danos na Ferrari, contudo, foram mínimos, e o monegasco conseguiu avançar para o Q2. Os eliminados no Q1 foram Russell, Pérez, Ricciardo, Stroll e Kubica.

Na segunda etapa, Lewis Hamilton foi o mais rápido, mas sempre seguido de perto por Max Verstappen, que vivia a expectativa de conseguir a primeira pole-position na carreira. Ao fim dos 15 minutos, os eliminados foram Hulkenberg, Albon, Kvyat, Giovinazzi e Magnussen.

No Q3, a briga ficou novamente entre o britânico da Mercedes e o holandês da Red Bull, com a Ferrari correndo por fora. No final das contas, Max Verstappen conseguiu ser o mais rápido para despachar os rivais com direito a recorde da pista.

Foto: Reprodução

Mais Esportes