Conteúdo por Gazeta Esportiva

Melhor do Brasileiro, defesa do Corinthians encara Botafogo, que pouco finaliza

Manoel e Gil formam a dupla de zaga, que foi vazada apenas oito vezes no Brasileiro (Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

Neste sábado, às 17h, o Corinthians terá mais um compromisso pelo Campeonato Brasileiro. Depois de três vitórias e três empates desde a volta da Copa América, o Timão terá pela frente o Botafogo, para tentar manter a invencibilidade no período. Um dos trunfos da equipe deve ser a defesa, a melhor do torneio, que enfrentará um ataque pouco finalizador.

Há anos o Corinthians tem em seu modelo de jogo uma defesa sólida, que sofre poucos gols em qualquer torneio que passa. No Brasileirão deste ano, não é diferente. Com apenas oito sofridos, o sistema defensivo do Timão é o melhor da competição.

Do outro lado, os comandados de Fábio Carille vão enfrentar um Botafogo que aparece apenas uma posição abaixo na classificação. Mas uma boa notícia para o setor defensivo corintiano é que o ataque do time carioca é o segundo que menos finaliza neste Brasileirão, com 124 chutes totais nas 14 rodadas até aqui.

Curiosamente, o Corinthians também não é dos maiores finalizadores, já que aparece uma posição acima do Botafogo, com 144 chutes. No aproveitamento das tentativas, entretanto, os dois times melhoraram os seus rendimentos. Neste quesito, o Fogão sobe para a 12ª colocação com 39.5% de chutes certos, enquanto o Corinthians é o 14º com 36.8%.

Futebol