Conteúdo por Gazeta Esportiva

Melo/Kubot saem atrás do placar, mas viram e avançam em Wimbledon

Favoritos, Marcelo Melo e Lukasz Kubot conseguiram vencer Ben McLachlan e Jan-Lennard Struff na estreia de duplas em Wimbledon na manhã desta quarta-feira. Campeões em 2017, eles saíram atrás do placar, mas conseguiram reverter a desvantagem e venceram por 3 sets a 1, parciais de 4/6, 6/3, 7/5 e 7/5, em 2h55 de confronto.

Com esse resultado, eles já repetiram o que alcançaram no ano passado, quando foram eliminados já na segunda rodada. Nesta edição, são os principais cabeças de chave nas duplas masculinas e, agora, enfrentam os australianos Alex de Minaur e Matt Reid. O Brasil ainda entra em quadra nesta quarta com Bruno Soares, ao lado do croata Mate Pavic, e Marcelo Demoliner, com o indiano Divij Sharan.

O mineiro e o polonês não pareciam estar em seus melhores dias, mas conseguiram se manter focados e virar no terceiro set, para fechar o confronto em quatro sets. No primeiro set, Melo foi quebrado logo no primeiro game se saque, fato que se repetiu no set seguinte, mas a favor do brasileiro. No terceiro set, o mineiro e o polonês mostraram entrosamento e, no quarto set, também não houve quebras e nem break points, quando converteram a quebra na quarta chance.

Marcelo Melo, quarto melhor duplista no ranking mundial, ainda não conquistou nenhum título nesta temporada, apesar de já ter chegado as finais em Halle e Indian Wells ao lado de Lukasz Kubot, segundo melhor duplista.

Mais conteúdo sobre

Tênis