Conteúdo por Gazeta Esportiva

Morre Alana Maranhão, jovem promessa do lançamento de dardo

Atleta de 18 anos morreu (Foto: Wagner Carmo/Divulgação/Prefeitura de Paranavaí)

Na noite desta segunda-feira, a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) anunciou, por meio de nota oficial, a morte da atleta Alana Maranhão. A jovem de 18 anos era uma das promessas do Brasil no lançamento de dardo.

“A Confederação registra o mais profundo pesar em nome da comunidade do atletismo pelo ocorrido e deixa condolências aos familiares e amigos”, divulgou a entidade.

Segundo a CBAt, Alana morreu no último domingo, dia 30 de junho, no Jardim Morumbi, em Paranavaí. O corpo foi velado nesta segunda, na Capela Santa Maria, e o sepultamento será nesta terça, dia 2 julho, às 9h (de Brasília), no Cemitério Municipal de Paranavaí.

Em 2017, a atleta, que tinha o apelido carinhoso de Índia, foi representante do Brasil no Campeonato Mundial sub-18 de Nairóbi, no Quênia, na prova do lançamento de dardo, como a primeira colocada no ranking brasileiro da sua categoria, após vencer o Brasileiro Sub-18, com índice de 50,09 m.

Mais Esportes