Negociação entre Cittadini e Benfica esfria; Resposta ao Santos se arrasta

Negociação entre Cittadini e Benfica esfriou (Foto: Ivan Storti/Santos)
Negociação entre Cittadini e Benfica esfriou (Foto: Ivan Storti/Santos)

Léo Cittadini ficou bem próximo de fechar com o Benfica, de Portugal, porém, a negociação esfriou. O meia ainda não respondeu a proposta de renovação do Santos.

Com vínculo até o final de dezembro, Cittadini pode assinar um pré-contrato com qualquer clube e sair de graça em janeiro de 2019. Seus representantes chegaram a viajar para Portugal e restou decidir o tempo contratual, mas a situação não evoluiu.

Enquanto isso, o Peixe aguarda por um retorno. A diretoria ofereceu R$ 150 mil por mais quatro anos. O executivo de futebol Ricardo Gomes vê o acerto como difícil.

– É verdade que um pouco atrasado em relação à renovação, e será muito difícil de acontecer. Está complicado e tem poucas chances. A chegada do Cuca pode mudar – explicou.

O presidente José Carlos Peres chegou a fazer pressão por uma resposta e afirmou que rebaixaria o atleta ao time sub 23 caso ele não tomasse uma decisão. Porém, a situação não mudou e o mandatário foi convencido a mudar de ideia. Ele segue à disposição no elenco profissional.

Mais conteúdo sobre

Esporte