Nos pênaltis, Morro do Meio vence Recopa do futebol amador em Joinville

Carlos Junior/ND

Morro do Meio E.C. (preto) vence o Só Prazer por 3 a 1

A emoção de disputar uma final de campeonato agitou o futebol amador de Joinville neste sábado (12). A decisão entre os quatro primeiros lugares da Recopa, torneio paralelo ao Copão Kurt Meinert, foi nos pênaltis. Depois de duas defesas espetaculares do goleiro Elton Gonçalves Meneses, o Morro do Meio E.C. garantiu a vitória sobre o Só Prazer e levantou a taça de campeão no Campo do Profipo, na zona Sul de Joinville.

O jogo da final foi bastante morno, com poucos lances perigosos e finalizações, fazendo com que o primeiro e segundo tempo terminasse em 0 a 0. Já nos pênaltis, dos quatro chutes batidos pelo Só Prazer, apenas um entrou no gol do Morro do Meio. Elton, o homem do jogo, segurou dois lances e o terceiro a bola foi parar no travessão. O Morro do Meio não desperdiçou nenhuma das chances e fechou o placar em 3 a 1.

O bom desempenho do goleiro Elton em toda a competição rendeu a ele o troféu de Defesa Menos Vazada. “Foi um torneio bastante difícil. Em nossos quatro últimos jogos tudo foi decidido nos pênaltis. Esperava que o jogo deste sábado também pudesse ser assim, por isso treinei bastante. Mas a vitória também vem de um trabalho de equipe, de um time que já está há três anos treinando junto”, avalia Elton.

O técnico do Morro do Meio E.C., Rudinei Venturi, também destaca o envolvimento e garra da equipe. “Depois de muito trabalho conseguimos levar a primeira taça para o Morro do Meio. Quando perdemos os jogos do Copão, nosso time ficou desestruturado, muitos dos jogadores desistiram de participar da Recopa. Só os mais guerreiros permaneceram e, por suas forças e garras, chegamos a esta final vitoriosos. Parabéns a nosso Morro do Meio E.C. e a todos os outros times que jogaram a Recopa e o Copão dando força ao nosso esporte amador”, finaliza Venturi.

Rodrigo Braga, técnico do Só Prazer, também se diz satisfeito com o bom desempenho na competição. “Foi um jogo equilibrado, decidido nos pênaltis, ai, é loteria, é sorte. Fizemos um bom trabalho em toda a Recopa, o Morro do Meio E.C., também. Foi um campeonato muito divertido e acirrado. Agora é começar a pensar como vai ser nossa preparação para o 39º Copão”, comenta.

Fase Boa vence Morro do Meio F.C. e garante o terceiro lugar

A decisão do terceiro e quarto colocado na Recopa também foi nos pênaltis. Após terminar o tempo regulamentado em 2 a 2 o  Fase Boa Amigos F.C. levou a melhor em cima do Unidos do Morro do Meio F.C. e conquistou o terceiro lugar na competição. Este foi o segundo ano da Recopa que iniciou em junho envolvendo os times eliminados na primeira fase do Copão Kurt Meinert. Os eventos foram promovidos pela Felej (Fundação de Esportes, Lazer e Eventos de Joinville) com apoio do jornal Notícias do Dia e do Grupo RIC, e com divulgação apoiada pela Assessoritec.

“Podemos dizer que o 38º Copão foi a melhor edição do torneio até hoje. Foi um campeonato grandioso com a participação de mais de 70 equipes. A parceria com o grupo RIC e com o jornal Notícias do Dia na cobertura e divulgação do evento nos ajudou muito, dando credibilidade ao torneio e fortalecendo o esporte amador da cidade”, avalia o presidente da Felej, Fernando Krelling.

Premiação 2ª Recopa

Campeão: Morro do Meio E.C.

Vice-campeão: Só Prazer

Terceiro lugar: Fase Boa Amigos F.C.

Quarto lugar: Unidos do Morro do Meio F.C.

Artilheiro: Francisco da Silva, São José F.C. (7 gols)

Defesa menos vazada: Elton Gonçalves Meneses, Morro do Meio E.C.

Mais conteúdo sobre

Futebol Amador

Nenhum conteúdo encontrado