“O jogo contra o Flamengo foi o nosso ponto de virada”, disse Fellype Gabriel

Divulgação

Com uma campanha incontestável – apenas uma derrota em todo campeonato – o Botafogo se sagrou campeão carioca pela 20ª vez. Jogador remanescente da final do ano passado, quando perdeu para o Fluminense, Fellype Gabriel destacou o amadurecimento do elenco. 

– Ganhamos jogadores de muita experiência, mudando a atitude do time. Esse título foi uma vitória do grupo e nos coroou muito bem.

Onde começou a guinada para a conquista do Carioca, Fellype não teve dúvidas em dizer que foi, justamente, na única derrota do clube, na Taça Guanabara. 

– O jogo contra o Flamengo foi o nosso ponto da virada. Perdemos para eles e depois empatamos contra o Boavista. Foi o momento mais importante dos úlitmos meses, pois estávamos em baixa. Foi difícil jogar contra os times fortes, tendo de ganhar os jogos, mas conseguimos.

Ele, que sofria de lesões na época do Flamengo, voltou com outro preparo físico ao Botafogo depois da estada no Japão – ganhando até o apelido de Homem de Ferro. E o prórpio camisa 11 celebrou a evolução.

– Foi o campeonato mais regular da minha vida sim. Fui poupado de dois jogos, mesmo querendo jogar. Foi um trabalho muito bom, mas o ano não para por aí.

Sobre o treinador Oswaldo de Oliveira, que o indicou para o clube no ano passado, o atleta não poupou elogios.

– A melhor coisa do Oswaldo é que ele não tem medo. Coloca os jogadores para jogar mesmo. A torcida vaiava, xingava, mas ele nunca mudava o pensamento. Ele é um cara muito tranquilo e isso não iria mudar a cabeça dele.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...