Pressionado, Botafogo visita Nacional do Paraguai pela Sul-Americana

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Botafogo enfrenta o Nacional (PAR) nesta quarta-feira, às 19h30, pela segunda fase da Copa Sul-Americana. A partida de ida acontece no estádio Defensores del Chaco, em Assunção.

Na primeira etapa da competição, o time carioca eliminou o Audax Italiano, do Chile, graças a um bom resultado obtido como visitante -vitória por 2 a 1. Na volta, no Engenhão, houve empate por 1 a 1.

Dessa vez, a história é um pouco diferente. Além de contar com um novo treinador -Marcos Paquetá substituiu Alberto Valentim-, o time carioca está sob pressão por causa dos maus resultados obtidos recentemente no Campeonato Brasileiro.

Desde que a temporada do futebol brasileiro foi retomada após a pausa para a Copa do Mundo, o Botafogo sofreu três derrotas e venceu apenas um jogo, levou sete gols e marcou apenas um.

O retrospecto já coloca pressão até no cargo de Paquetá. O início de trabalho dele não é satisfatório, segundo integrantes da oposição, e foi criado um movimento pela demissão do comandante depois da derrota por 3 a 0 para o Inter, no domingo passado.

Para encarar o Nacional, o treinador terá duas novidades em relação ao time que perdeu no Beira-Rio. O volante Rodrigo Lindoso e o atacante Rodrigo Pimpão, que estavam suspensos, voltam ao time.

O Botafogo deve ir a campo com a seguinte escalação: Saulo; Luís Ricardo, Joel Carli, Rabello, Gilson; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, Leo Valencia; Rodrigo Pimpão, Kieza, Ezequiel (Jean ou Marcinho).

Estádio: Defensores del Chaco, em Assunção (PAR)

Horário: 19h30 desta quarta

Juiz: Roberto Tobar (CHI)

Mais conteúdo sobre

Esportes