Conteúdo por Gazeta Esportiva

Renato Gaúcho atribui derrota do Grêmio para o Flamengo a “bobeiras” na defesa

Grêmio foi derrotado por 3 a 1 no Maracanã (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

O Grêmio visitou o Flamengo neste sábado e foi derrotado por 3 a 1 no Maracanã. Depois da partida, o técnico Renato Gaúcho analisou a partida e, apesar do resultado, não viu a sua equipe abaixo do time carioca. Vale lembrar que o Tricolor foi à partida com uma escalação alternativa.

Segundo o treinador gremista, a equipe até tinha o controle da partida, mas algumas bobeiras originaram os gols do time carioca, que decretou a vitória nos minutos finais.

“O jogo foi bom, estava no controle. A gente sabia da força do Flamengo aqui no Maracanã, mas o jogo estava no controle até o Flamengo achar o primeiro gol. Conseguimos empatar, falei para eles que deveríamos voltar ligados para não levar gol no início que eles dariam espaço. Infelizmente demos outra bobeira, pegou na trave e cochilamos. Tomamos o segundo gol. Virou um jogo normal, o Flamengo procurou espaços, criou oportunidades. No finalzinho tentamos o empate, buscamos de todas as formas, e no último minuto eles acharam o terceiro gol. Tenho que elogiar minha equipe, não é fácil enfrentar o Flamengo aqui”, analisou Renato.

Como disputa também a Copa do Brasil e a Libertadores, o Grêmio tem utilizado os reservas em muitos jogos do Campeonato Brasileiro. Desta vez não foi diferente, e o treinador do Tricolor explicou que a equipe pensa jogo a jogo para não se perder entre as competições.

“O Grêmio e o Internacional são os dois clube que estão em três competições. Quem muito quer nada tem. É um risco que a gente corre. O Grêmio caminha nas três competições e é logico que a gente ia perder alguns jogos. E hoje o Flamengo não foi muito superior ao Grêmio não. Em três competições não dá para colocar a mesma equipe sempre, não vai vencer todos os jogos. Jogo a jogo a gente vai pensando e buscando o que é melhor para o clube”

Estacionado com 17 pontos, o time de Renato Gaúcho ocupa a 13ª colocação do Campeonato Brasileiro. Agora, a equipe vira a chave para a Copa do Brasil, em que enfrenta o Athletico-PR, nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), na Arena do Grêmio.

Futebol

Conteúdo por Gazeta Esportiva

Renato Gaúcho atribui derrota do Grêmio para o Flamengo a “bobeiras” na defesa

Grêmio foi derrotado por 3 a 1 no Maracanã (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

O Grêmio visitou o Flamengo neste sábado e foi derrotado por 3 a 1 no Maracanã. Depois da partida, o técnico Renato Gaúcho analisou a partida e, apesar do resultado, não viu a sua equipe abaixo do time carioca. Vale lembrar que o Tricolor foi à partida com uma escalação alternativa.

Segundo o treinador gremista, a equipe até tinha o controle da partida, mas algumas bobeiras originaram os gols do time carioca, que decretou a vitória nos minutos finais.

“O jogo foi bom, estava no controle. A gente sabia da força do Flamengo aqui no Maracanã, mas o jogo estava no controle até o Flamengo achar o primeiro gol. Conseguimos empatar, falei para eles que deveríamos voltar ligados para não levar gol no início que eles dariam espaço. Infelizmente demos outra bobeira, pegou na trave e cochilamos. Tomamos o segundo gol. Virou um jogo normal, o Flamengo procurou espaços, criou oportunidades. No finalzinho tentamos o empate, buscamos de todas as formas, e no último minuto eles acharam o terceiro gol. Tenho que elogiar minha equipe, não é fácil enfrentar o Flamengo aqui”, analisou Renato.

Como disputa também a Copa do Brasil e a Libertadores, o Grêmio tem utilizado os reservas em muitos jogos do Campeonato Brasileiro. Desta vez não foi diferente, e o treinador do Tricolor explicou que a equipe pensa jogo a jogo para não se perder entre as competições.

“O Grêmio e o Internacional são os dois clube que estão em três competições. Quem muito quer nada tem. É um risco que a gente corre. O Grêmio caminha nas três competições e é logico que a gente ia perder alguns jogos. E hoje o Flamengo não foi muito superior ao Grêmio não. Em três competições não dá para colocar a mesma equipe sempre, não vai vencer todos os jogos. Jogo a jogo a gente vai pensando e buscando o que é melhor para o clube”

Estacionado com 17 pontos, o time de Renato Gaúcho ocupa a 13ª colocação do Campeonato Brasileiro. Agora, a equipe vira a chave para a Copa do Brasil, em que enfrenta o Athletico-PR, nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), na Arena do Grêmio.

Futebol