Renato Gaúcho fecha último treino do Grêmio e não indica substituto de Everton

O Grêmio finalizou neste sábado a preparação para o confronto deste domingo, às 16 horas, diante do Juventude, em Caxias do Sul (RS), pelo primeiro jogo das quartas de final do Campeonato Gaúcho. A maior dúvida na escalação é quanto ao ataque, setor que está desfalcado, mas tem opções de sobra.

O técnico Renato Gaúcho fechou os portões do treinamento neste sábado (23). Depois, quando a imprensa teve acesso, o grupo já participava do rachão, tradicional nas vésperas das partidas. O elenco já está em Caxias do Sul.

Everton, com a seleção brasileira, é o principal desfalque. Marinho, ausente nas últimas atividades por lesão, também não deve jogar. No lugar de Everton, a tendência é de que jogue o garoto Pepê, destaque nas últimas partidas. Se Marinho realmente não puder atuar, é provável que o argentino Montoya esteja em campo.

Dessa maneira, Diego Tardelli, ainda sem estar 100% fisicamente, deve começar na reserva. No comando de ataque ainda há a disputa entre André e Felipe Vizeu. Pelo o que indicou Renato Gaúcho, Vizeu tem mais chances de ser titular.

A defesa também sentirá a ausência de titulares. Pedro Geromel está machucado e Kannemann, com a seleção argentina. Paulo Miranda e Marcelo Oliveira serão os escolhidos para substituir dois dos principais atletas do elenco.

Com ausências e incertezas, é possível desenhar o Grêmio com a seguinte escalação: Paulo Victor; Leonardo, Paulo Miranda, Marcelo Oliveira e Cortez; Michel, Maicon, Montoya, Luan e Pepê (Diego Tardelli); Felipe Vizeu.

Mais conteúdo sobre

Futebol