Conteúdo por Gazeta Esportiva

Santos conta com “desconto” de Robinho por contratação no 2º semestre

Santos quer Robinho no segundo semestre

O Santos quer contratar Robinho para o segundo semestre, mas não pagaria o mesmo salário recebido atualmente pelo atacante no Istambul Basaksehir, da Turquia.

O Peixe conta com a vontade do atacante, espera um “desconto” nos vencimentos por um acerto nas próximas semanas e não quer entrar em leilão no mercado.

Outro agravante é a dívida de R$ 4 milhões. O Alvinegro quer renegociar o débito para pagar menos em mais parcelas. Este valor mensal pode ser somado no salário no caso da contratação.

“Presidente ainda não me pagou. Pode me pagar em 10, 20, 30 ou 50 vezes. Baixo até o salário. Mas vamos conversar como tem que fazer”, disse Robinho, ao Esporte Interativo. 

O Santos vê Robinho como referência técnica, capaz de ser uma liderança positiva no elenco e ajudar os mais novos. O Peixe conta com vários garotos na mesma posição: Tailson, Renyer, Arthur Gomes…

O principal motivo da empolgação do Peixe é uma nova regra no futebol turco: haverá tarifa de 70% no salário de estrangeiros. Dessa forma, a renovação no Basaksehir é inviável.

O presidente José Carlos Peres disse nesta quinta-feira, em evento na CBF, que o “processo do retorno” de Robinho já começou. A representante do atacante, Marisa Alija, nega qualquer conversa recente com o mandatário.

Um dos funcionários do Santos falou para a advogada sobre “ter uma proposta” para Robinho. A doutora está viajando e não ouvirá neste momento.

“Disseram que há uma proposta e querem apresentar. Eu estou em viagem e vou ouvir o Santos, o jogador e seu clube atual”, disse Marisa Alija, à Gazeta Esportiva. 

Mais conteúdo sobre

Futebol