Conteúdo por Gazeta Esportiva

Seleção Brasileira corre risco de perder Casemiro nas quartas de final

A Seleção Brasileira caiu nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia ao ser derrotada pela Bélgica. Na ocasião, a equipe canarinho não pôde contar com Casemiro, que teve de cumpriu suspensão. Fernandinho jogou e acabou tendo participação negativa justamente nos dois gols belgas.

O trauma vivido por Tite no ano passado pode se repetir nessa Copa América. Nesse sábado, o Brasil encara o Peru na Arena Corinthians e, se Casemiro for realmente escalado, terá de tomar muita cautela.

O volante do Real Madrid está pendurado com dois cartões amarelos. A situação chegou a levar o treinador brasileiro a sacá-lo no segundo tempo do embate com a Venezuela, na última terça.

Casemiro recebeu cartões contra Bolívia e Venezuela (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Para esse fim de semana, Tite não terá Fernandinho à disposição. O jogador do Manchester City levou uma pancada no joelho e sequer foi a campo nos dois últimos treinamentos.

Uma nova advertência com cartão tiraria Casemiro das quartas de final da Copa América. Fora o natural caráter decisivo, ainda há grandes chances de o adversário ser a Argentina.

Durante a entrevista coletiva desta sexta, Tite até insinuou mudanças no time, mas não revelou a escalação para o confronto com o Peru, e chamou atenção ao citar Allan e Arthur em uma mesma resposta, como se ambos fossem jogar juntos.

“Pode melhorar em um processo criativo, como toda a equipe. Quando você fala de um só na criação é porque tem coisa errada. Laterais têm que criar, saída à frente é criação também. Firmino, quando sai, também. Arthur tem que ser de criação. Allan tem que ser de criação também”.

Copa América