Conteúdo por Gazeta Esportiva

Seleção feminina de vôlei perde disputa do bronze para a Argentina no Pan

Atualizado

Depois de ser surpreendida de virada pela Colômbia, a Seleção Brasileira feminina de vôlei voltou a perder, agora na disputa da medalha de bronze, diante da Argentina, pelo Pan-Americano de Lima, no Peru, no último dia de competição. Com partida de início às 11h (de Brasília), as comandadas de Zé Roberto Guimarães perderam por 3 sets a 0, com parciais de 24/26, 20/25 e 21/25. Colômbia e a República Dominicana disputam a medalha de ouro.

Após derrota para a Colômbia na semifinal, Brasil perdeu disputa do bronze neste domingo (Foto: Reprodução)

Na história do Pan-Americano, são duas medalhas de bronze, quatro de ouro e três pratas, a última delas conquistada em Toronto, na última edição. Do outro lado, essa foi a primeira medalha das argentinas no vôlei em um Pan-Americano. Este foi o último Pan com o comando de Zé Roberto.

O Brasil já havia garantido o segundo lugar no quadro de medalhas, um resultado histórico e também com quebra de recorde de conquistas – agora são 164, superando as 157 conquistadas no Rio de Janeiro, em 2007, com 54 ouros. Ainda há disputas neste domingo. Os Estados Unidos são o primeiro colocado disparados, Brasil em segundo e México em terceiro.

Apesar do resultado, é importante ressaltar que a Seleção não foi com força total em Lima, tanto por conta de dispensas quanto pela sequência entre a Liga das Nações, quando terminou com o vice-campeonato, e o Pré-Olímpico, no qual ganhou e já garantiu uma vaga para a Olimpíada de Tóquio, em 2020. Por conta disso, Zé Roberto optou por testar jovens atletas.

Pan 2019