Sem mistério e sem surpresa

       A escalação do Joinville, definida pelo técnico Argel na tarde de quinta-feira, não trouxe nenhuma surpresa. A entrada de Maurício Nascimento na defesa é natural depois do desempenho ruim de Enio em Chapecó. No meio, Tiago Real segue como o curinga do JEC e novamente terá a missão de suprir a ausência de Glaydson. Na armação, Argel promove Ramon, numa tentativa de encontrar uma melhor opção à equipe na primeira etapa. Nos últimos jogos, tanto Ramon quanto João Henrique renderam mais nos 45 minutos finais e o time ficou carente de um meia na etapa inicial. No ataque, Bruno Rangel e Alex formarão uma dupla inédita. O Joinville não tem motivos para se preocupar tecnicamente com o Brusque. O Tricolor é superior e pode vencer com tranquilidade o já rebaixado adversário. Mas a chave deste duelo será a paciência. Com o Brusque descompromissado, o duelo pode ser mais “chato”. E os joinvilenses não podem se abater emocionalmente.

No apito

   Bráulio da Silva Machado será o árbitro da partida entre Joinville e Brusque, neste domingo. Será a quarta aparição dele em jogos do JEC. No turno, ele comandou o duelo contra a Chapecoense, na Arena (3 a 1 para o Joinville) e no returno esteve nos confrontos Camboriú 1 x 3 JEC e Figueirense 3 x 3 JEC. Em nenhum dos jogos, houve problemas. Que ele mantenha a mesma regularidade.

Playoffs

      O Basquete de Joinville começa hoje a série de playoffs contra o Limeira-SP. Na teoria, os joinvilenses são favoritos, devido à recuperação no campeonato, a vantagem de decidir em casa e o retrospecto contra os paulistas. Na prática, a situação é outra. O Limeira-SP venceu o Campeonato Paulista do ano passado e tem no comando um treinador com muito potencial: Demétrius. No time, figuras carimbadas como os alas Diego e Rogério e o pivô André Bambu. Além deles, destaques como Ronald Ramon, segundo maior cestinha do time, Daniel Alemão, com quase cinco rebotes por jogo (média) e Vitor Benite, estrela do vice-campeão Franca-SP no ano passado e principal atleta do Limeira-SP neste ano. Portanto, é preciso ter cuidado com o favoritismo. No ano passado, Joinville parecia que eliminaria o Minas-MG com um 3 a 0, mas só alcançou a classificação no quinto jogo. Fica aí a lição aos joinvilenses.

– A noite de quarta-feira recebeu a quarta etapa da décima edição do Campeonato Unikart, no Kartódromo Internacional de Joinville. Na categoria Speed, apesar de ter rodado nas voltas seis e 14, o líder Luiz Maul conseguiu cruzar a linha de chegada na primeira colocação.

– Na categoria Light, devido à ausência de vários pilotos, decidiu-se realizar as baterias um e dois juntas. O líder da categoria, Wolfgang Feldhaus, venceu mais uma prova depois de disputa equilibrada com Henry Dalcortivo.  A próxima etapa do Campeonato Unikart ocorrerá no dia 16 de maio, a partir das 19h30.

– Na próxima segunda-feira, a partir das 18h, ocorrerá a inauguração da Sala de Basquete da Sociedade Ginástica de Joinville. Jogos e um jantar marcarão o evento.

– Neste domingo, Navegantes receberá a segunda etapa da sexta edição do Campeonato de Pesca e Arremesso da Liga Norte Catarinense. Segundo a organização, 146 participantes de cinco categorias estarão na disputa a partir das 8h.