Conteúdo por Gazeta Esportiva

Sem proposta, Arboleda pode permanecer no Tricolor

Arboleda se despediu do São Paulo para defender o Equador na Copa América ciente da possibilidade de não retornar ao Brasil. Alvo de sondagens de clubes estrangeiros por conta do bom desempenho com a camisa tricolor, o zagueiro equatoriano, contudo, não recebeu qualquer proposta concreta para deixar o Morumbi e, por isso, pode acabar permanecendo na equipe do técnico Cuca.

Aos 27 anos, Arboleda via com bons olhos a oportunidade de se transferir para o futebol europeu. Entretanto, em entrevistas recentes, também deixou claro estar feliz no São Paulo e não estar pensando em sair do clube.

Com grande expectativa em relação à Copa América, o staff de Arboleda imaginava que o torneio poderia servir de vitrine para o jogador, porém, o desempenho da seleção equatoriana foi frustrante. Na primeira rodada, começando como reserva, o zagueiro viu sua equipe ser goleada pelo Uruguai por 4 a 0. No jogo seguinte, derrota para o Chile por 2 a 1. Apenas no último duelo da fase de grupos os equatorianos somaram um ponto, empatando com o Japão em 1 a 1 e se despedindo da competição de forma precoce.

Apesar de a permanência de Arboleda no São Paulo já não ser mais tão difícil assim, a diretoria não descarta negociá-lo com o mercado internacional até o fechamento da janela de transferências, que varia de país para país, mas que compreende os últimos dias de julho e os primeiros de agosto.

Prevista para esta terça-feira, a reapresentação de Arboleda foi adiada por conta de um atraso no seu voo para São Paulo. Desta forma, ele acabou não participando dos treinamentos comandados pelo técnico Cuca, em Cotia, mas será reintegrado ao elenco nesta quarta-feira.

Mais conteúdo sobre

Futebol