Sidney Moraes acredita em boa estreia da Ponte no Paulistão

Com jogo da primeira rodada adiado, Macaca começa o estadual nesta quarta, contra o Botafogo-SP

Divulgação

Depois de ter problemas com a liberação do Moisés Lucarelli, quase jogar sem torcida e em seguida conseguir adiar a partida da primeira rodada, a Ponte Preta finalmente estreia no Paulistão na noite desta quarta-feira. Fora de casa, a Macaca encara o Botafogo-SP no Santa Cruz, no calor de Ribeirão Preto, pela segunda rodada do estadual.

O técnico Sidney Moraes acredita que apesar da pré-temporada curta, a Ponte está pronta para fazer uma boa campanha no Paulista. Sidney ainda destacou que o adiamento da partida contra o Ituano, transferida para 12 de fevereiro, lhe rendeu mais alguns dias de preparação.

– Por um lado foi bom por causa do tempo. Ganhar alguns treinos a mais, mas também pesa o fator psicológico de não jogar e querer estrear. Todos ficamos surpresos com o adiamento, mas foi o que aconteceu e agora é tirar proveito dos dias que tivemos. Procuramos equilibrar mais ainda a equipe. Sabemos que não deve ser o ideal ainda para esse jogo, mas acho que estamos no caminho certo e acredito que consigamos executar nesta noite o que fizemos de bom nos treinos -, disse o treinador.

Com a vantagem de ainda não ter feito nenhum jogo e manter um certo mistério sobre o esquema que colocará em campo, Sidney disse que observou o Botafogo-SP e sabe como armar sua equipe para o duelo.

– É um time que tem bons jogadores, tecnicamente é bom. Tive a oportunidade de assistir o jogo deles diante do São Bernardo. Há atletas com experiência, que sabem o que fazer com a bola, por outro lado é uma equipe que não tem muita velocidade. Procuramos ver em relação a isso e, com o resultado adverso deles na última rodada, jogando em casa vão procurar a vitória -, declarou.

Sidney acredita que a Macaca pode sair com um bom resultado do Santa Cruz, mas não vê pressão em já começar o campeonato pontuando. O técnico destacou que em competições como esta o primeiro e o último jogo são iguais, e o mais importante é a regularidade.

– Pressão tem desde o momento em que você está no futebol. Temos que pensar no campeonato. Tem muitos jogos pela frente e não é necessariamente quem começa ganhando que vai terminar classificado. É uma competição que tem que ter regularidade. Se conseguirmos sete ou oito vitórias dos jogos que temos vamos ter 50% de aproveitamento, com isso estaríamos na próxima fase. A conta é essa e temos que trabalhar em cima disso, independente se esse é o primeiro jogo ou o último -, destacou Sidney.

Ponte Preta e Botafogo-SP se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h30, no Estádio Santa Cruz em Ribeirão Preto, em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Paulista.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...