Conteúdo por Gazeta Esportiva

Tite garante intenção em ficar na Seleção até a Copa do Catar

O jornalista Juca Kfouri publicou em seu blog há dois dias que Tite poderia deixar a Seleção Brasileira ao fim da Copa América por irritação com a saída de membros da comissão técnica.

Na coletiva de imprensa desse sábado, então, o técnico tentou colocar um ponto final na polêmica criada às vésperas da decisão do torneio continental, que pode render ao treinador seu primeiro título à frente da equipe canarinho.

“2022 é o contrato, e após a Copa do Mundo vemos”, avisou, evitando se estender.

Em mais duas oportunidades na sala de imprensa do Maracanã, no Rio de Janeiro, jornalistas tentaram arrancar aspas mais incisivas do comandante. Em vão. Tite se recusou a dar novas respostas.

Para tentar esfriar o ambiente, a própria CBF se manifestou na quinta-feira. Em nota oficial, a entidade garantiu a intenção em seguir com Tite no comando da Seleção principal.

“A Confederação Brasileira de Futebol manifesta sua confiança no trabalho da Comissão Técnica da Seleção Brasileira Principal. E reafirma que ela será mantida em caráter permanente”.

 

Copa América