TJD-SC confirma título estadual para o Avaí, após pedido da Chapecoense de impugnação

Atualizado

O pleno do TJD-SC (Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina) confirmou na noite desta quinta-feira (6) o título catarinense ao Avaí sobre a Chapecoense, numa decisão unânime por 7 votos a 0 na sede da entidade, em Balneário Camboriú.

Momento em que Bráulio da Silva Machado aguarda a checagem do VAR na final entre Avaí e Chapecoense – Flávio Tin/ND

O time do Oeste entrou com um processo pedindo a impugnação da partida decisiva por causa dos acontecimentos envolvendo o árbitro Bráulio da Silva Machado nas cobranças de pênalti após o empate por 1 a 1 no tempo normal na final do dia 21 de abril.

Na cobrança de Bruno Pacheco, da Chape, a bola bateu no travessão e no chão, gerando dúvida se teria ou não entrado. Após revisão pelo VAR o árbitro confirmou que a redonda não teria ultrapassado a linha completamente.

O problema é que enquanto a arbitragem revia o lance parte da torcida do Leão invadiu o gramado da Ressacada. A delegação da Chape alegou falta de segurança e foi para o vestiário e sequer voltou para a premiação do vice-campeonato, na ocasião.

De acordo com a imprensa de Chapecó, o Verdão do Oeste deve recorrer ao Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, no Rio de Janeiro.

Futebol