Conteúdo por Gazeta Esportiva

“Tudo tem início e fim”: Magrão se despede do Sport após 14 anos

Após um longo período de silêncio por conta de um processo na Justiça, o goleiro Magrão, enfim, anunciou sua saída do Sport após 14 anos. Em vídeo publicado em seu Instagram pessoal, o jogador agradeceu por todos os momentos, bons e ruins, passados no clube e enalteceu a torcida.

Goleiro se despede do clube após pedido de rescisão indireta (Foto: Williams Aguiar/SCR)

“Venho comunicar a todos que tudo tem um início e um fim. Meu ciclo no Sport chega ao fim e é com muita alegria que eu vou ter isso pro resto da minha vida, ter jogado no Sport Club do Recife, clube onde cheguei desacreditado, que as pessoas não me conheciam e, graças a Deus e à ajuda da minha família, com muito trabalho, pude mostrar o meu serviço e ter ajudado, junto com meus outros companheiros, a conquistar vários títulos”, iniciou o arqueiro em um vídeo com vários momentos no time.

Magrão pediu rescisão indireta de contrato com o clube da Ilha do Retiro alegando salários atrasados e as partes chegaram a um acordo na última terça-feira, com valor ainda não divulgado. A rescisão, então, também foi atendida.

Ele aproveitou o vídeo publicado para agradecer a todos que estiveram em seus 14 anos de clube. “Claro que tivemos muitas derrotas, mas muito mais vitórias durante esses 14 anos que eu tive no Sport. Então, sou muito grato a todos vocês, sou muito grato à torcida, sou muito grato à cidade, sou muito grato ao Estado, onde eu tenho um reconhecimento muito grande. Muito obrigado a todos vocês”, finalizou.

Depois de defender Portuguesa, Ceará e Fortaleza, Magrão chegou ao Sport em 2005 e virou um dos maiores ídolos da história do clube. O goleiro de 41 anos conquistou sete vezes o Campeonato Pernambucano (2006, 2007, 2008, 2009, 2010, 2014, 2017 e 2019), a Copa do Nordeste de 2014 e a Copa do Brasil de 2008, na qual superou PalmeirasInternacionalVasco e Corinthians na final.

Futebol