Conteúdo por Gazeta Esportiva

Vasco marca no fim e consegue primeira vitória no Campeonato Carioca

Com um gol nos acréscimos, o Vasco venceu por 1 a 0 o Boavista, neste sábado, em Cariacica. Com o resultado, os cruzmaltinos chegaram a quatro pontos no grupo B e seguem sonhando com a classificação para as semifinais da Taça Guanabara. Já o Boavista, com quatro, segue entre os líderes do grupo A.

O Vasco mais uma vez mostrou dificuldade na criação de jogadas ao longo dos 90 minutos. O Boavista praticamente abdicou do ataque e criou raríssimas chances. Os vascaínos chegaram ao gol praticamente no último lance do jogo, com German Cano, que marcou seu primeiro gol pelo clube.

Na próxima rodada, o Vasco recebe a Cabofriense, nesta quinta-feira, em São Januário. Já o Boavista abre a rodada, na terça-feira, contra o Madureira, em Bacaxá.

Rafael Ribeiro/Vasco

A primeira chance vascaína só aconteceu aos 17 minutos. Após cobrança de falta na área Talles Magno cabeceou com perigo. Logo depois, o mesmo Talles Magno foi lançado na área, mas finalizou em cima de Klever, que saiu para abafar o atacante.

O panorama da partida continuava o mesmo. Tanto que o Vasco voltou a criar boa chance aos 30 minutos. Henrique tabelou com Vinícius, entrou na área e cruzou para Cano. A zaga cortou mal , Gabriel Pec tentou a finalização e viu Jean salvar o Boavista.

Os cruzmaltinos tentaram pressionar no fim, mas viram o Boavista ter a melhor chance do jogo já nos acréscimos. Quando parecia que o vasco iria amargar mais um empate, Gabriel Pec cruzou para German Cano cabecear para a rede e dar a vitória em Cariacica.

FICHA TÉCNICA:

BOAVISTA 0 X 1 VASCO

Local: estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES)

Data: 25 de janeiro de 2020, sábado

Hora: 19h (de Brasília)

Árbitro: Alex Gomes Stéfano

Assistentes: Daniel do Espírito Santo e Gistavo Mota Correia

Cartões amarelos: Erick Flores, Elivelton e Victor (Boavista); Leandro Castán (Vasco)

GOL

VASCO: German Cano, aos 48min do segundo tempo

BOAVISTA: Kléver; Wellington Silva, Victor, Elivelton e Jean; Fernando Bob, Jefferson (Luís Suárez), Michel e Erick Flores; Tartá (Gabriel) e Caio Dantas (Renan Donizete)

Técnico: paulo Bonamigo

VASCO: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Leandro Castán, Werley e Henrique; Bruno Gomes, Raul (Vinícius) e Juninho (Gabriel Pec); Marrony, Talles Magno (Ribamar) e German Cano

Técnico: Abel Braga

Mais conteúdo sobre

Futebol