WTA confirma a volta de Naomi Osaka na liderança do ranking; Nadal segue em segundo lugar

Atualizado

Durou apenas seis semanas a liderança de Ashleigh Barty, campeã em Roland Garros, no ranking da WTA. Nesta segunda-feira (12), a entidade que comanda o tênis feminino divulgou a atualização da lista e nela a japonesa Naomi Osaka, que havia perdido a ponta para a australiana no último dia 24 de junho, está de volta à primeira colocação. Com 6.417 pontos, a oriental, que neste ano conquistou o título do Aberto da Austrália, tem agora 161 a mais que a rival.

Naomi Osaka desbancou a australiana Ashleigh Barty e assumiu a ponta do ranking da WTA com 161 pontos a mais que a segunda colocada – Ben Solomon/Tennis Australia/Fotos Públicas/Divulgação/ND

Mas a disputa pela liderança do ranking terá um novo capítulo nesta semana com a disputa do Torneio de Cincinnati, nos Estados Unidos. Novamente a briga ficará entre Osaka, Barty e a tcheca Karolina Pliskova, que estão separadas por menos de 300 pontos. A australiana é das três a única que defende alguma pontuação, já que parou na terceira rodada da competição em quadras rápidas na temporada passada.

Vice-campeã em 2018, a romena Simona Halep é a atual quarta colocada, mas terá de defender 585 pontos em Cincinnati nesta semana e, assim, não tem chance alguma de brigar pelas três primeiras colocações. Mesmo sem poder jogar a final em Toronto, no Canadá, no domingo, por problemas nas costas, a norte-americana Serena Williams se deu bem na atualização desta semana – subiu do 10.º para o oitavo lugar. A campeã Bianca Andreescu, canadense de 19 anos, galgou 13 posições e agora é a número 14 do mundo.

Mesmo sem jogar por estar preventivamente suspensa por suspeita de doping, a brasileira Beatriz Haddad Maia conseguiu subir no ranking. A tenista paulista ganhou duas colocações e agora ocupa o 95.º lugar, dentro do Top 100.

MASCULINO – Com o título conquistado no Masters 1000 do Canadá, em Montreal, o espanhol Rafael Nadal repetiu o desempenho de 2018 e conseguiu se manter na segunda colocação do ranking da ATP. Ele estava ameaçado pelo suíço Roger Federer, terceiro colocado que não entrou em quadra nesta semana, e precisava alcançar pelo menos a final para não ser ultrapassado por seu maior rival.

Na liderança, o sérvio Novak Djokovic continua absoluto e manteve os 4.380 pontos que leva de vantagem para Nadal. Outro que continuou na mesma colocação foi o austríaco Dominic Thiem, seguindo como número 4 do mundo. Logo abaixo, o japonês Kei Nishikori retornou ao Top 5 contando com a queda do grego Stefanos Tsitsipas, que caiu do quinto para o sétimo lugar.

Vice-campeão em Montreal, o russo Daniil Medvedev obteve nesta segunda-feira a sua melhor colocação no ranking na carreira profissional. Com os 600 pontos obtidos, subiu da nona para a oitava posição, superando o compatriota Karen Khachanov, que foi o seu adversário nas semifinais do torneio canadense.

Mesmo sem jogar na última semana, o brasileiro Thiago Monteiro conseguiu uma boa subida no ranking desta segunda-feira e por pouco não voltou ao Top 100. O número 1 do País ganhou quatro colocações e parou no 102.º posto, ficando apenas 10 pontos do atual 100.º colocado, o sul-africano Lloyd Harris.

Confira o ranking da ATP:

1.º – Novak Djokovic (SER) – 12.325 pontos

2.º – Rafael Nadal (ESP) – 7.945

3.º – Roger Federer (SUI) – 7.460

4.º – Dominic Thiem (AUT) – 4.925

5.º – Kei Nishikori (JAP) – 4.040

6.º – Alexander Zverev (ALE) – 4.005

7.º – Stefanos Tsitsipas (GRE) – 3.455

8.º – Daniil Medvedev (RUS) – 3.230

9.º – Karen Khachanov (RUS) – 2.890

10.º – Fabio Fognini (ITA) – 2.555

11.º – Roberto Bautista Agut (ESP) – 2.395

12.º – Juan Martín Del Potro (ARG) – 2.230

13.º – Borna Coric (CRO) – 2.195

14.º – Kevin Anderson (AFS) – 2.140

15.º – Gael Monfils (FRA) – 2.130

16.º – John Isner (EUA) – 2.040

17.º – Nikoloz Basilashvili (GEO) – 2.020

18.º – Marin Cilic (CRO) – 1.940

19.º – David Goffin (BEL) – 1.815

20.º – Milos Raonic (CAN) – 1.810

102.º – Thiago Monteiro (BRA) – 532

204.º – Rogério Dutra Silva (BRA) – 241

210.º – João Menezes (BRA) – 233

263.º – Thomaz Bellucci (BRA) – 165

Confira o ranking da WTA:

1.ª – Naomi Osaka (JAP) – 6.417 pontos

2.ª – Ashleigh Barty (AUS) – 6.256

3.ª – Karolina Pliskova (RCH) – 6.185

4.ª – Simona Halep (ROM) – 5.223

5.ª – Kiki Bertens (HOL) – 5.120

6.ª – Petra Kvitova (RCH) – 4.780

7.ª – Elina Svitolina (UCR) – 4.577

8.ª – Serena Williams (EUA) – 3.995

9.ª – Aryna Sabalenka (BIE) – 3.565

10.ª – Sloane Stephens (EUA) – 3.189

11.ª – Anastasija Sevastova (LET) – 3.167

12.ª – Belinda Bencic (SUI) – 3.008

13.ª – Angelique Kerber (ALE) – 2.875

14.ª – Bianca Andreescu (CAN) – 2.837

15.ª – Johanna Konta (GBR) – 2.695

16.ª – Marketa Vondrousova (RCH) – 2.652

17.ª – Qiang Wang (CHN) – 2.647

18.ª – Madison Keys (EUA) – 2.557

19.ª – Caroline Wozniacki (DIN) – 2.537

20.ª – Anett Kontaveit (EST) – 2.380

95.ª – Beatriz Haddad Maia (BRA) – 641

239.ª – Gabriela Cé (BRA) – 244

357.ª – Paula Gonçalves (BRA) – 127

365.ª – Carolina Meligeni Alves (BRA) – 122

Tênis