Zé Antônio destaca importância do sistema defensivo do Figueirense

Atualizado

Além da vitória por 1 a 0 contra o Brasil de Pelotas (RS), que marcou o fim do jejum de oito jogos sem vitórias, a noite da última terça-feira (14) foi de homenagem aos 100 jogos do capitão Zé Antônio. O volante destacou a boa atuação da defesa do Figueira na última partida.

Zé Antônio foi homenageado pelos 100 jogos em noite que marcou o fim do jejum de vitórias – Matheus Dias/FFC

“Bom frisar que em quatro jogos tomamos apenas dois gols. A nossa consistência defensiva é muito forte e importante. O Hemerson Maria sempre procura arrumar o time de trás para frente”, completou o capitão.

Paulinho da Charanga, um dos símbolos da torcida alvinegra, foi quem entregou a camisa em alusão aos 100 jogos do volante. Com mais de dois anos de Figueirense, Zé Antônio comentou sobre a homenagem que recebeu.

“Fico feliz pela homenagem, por chegar aos 100 jogos e completar dois anos no clube, diante da torcida que tem um carinho imenso, não só por mim, mas por todos os jogadores que estão aqui”, comentou.

Leia também:

Após a vitória, o Figueirense está na sexta colocação, com seis pontos conquistados. Já pensando na próxima partida, Zé Antônio comentou o que esperar do Bragantino (SP).

“Sem dúvida alguma vai ser um jogo difícil. Já vimos algumas coias do RB (Bragantino), mas a gente sabe que jogando fora de casa é complicado. Com essa vitória na última rodada, tiramos um peso e acredito que o time vai jogar com mais tranquilidade”, completou Zé Antônio.

O duelo contra o Bragantino será na próxima terça-feira (21), às 21h30, no estadio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

Mais conteúdo sobre

Futebol