Imposto de Renda: contribuintes podem doar parte do valor pago para Fundo do Idoso

Até 3% do imposto devido pode ser destinado ao fundo, sem que a pessoa gaste a mais com isso; além de pessoas físicas, empresas também podem fazer contribuições

Os contribuintes com dívidas no Imposto de Renda já podem destinar doações para o Fundo dos Direitos do Idoso, desde esta segunda-feira (1º). A medida deve ser feita diretamente a partir da IRPF (Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda) 2021. Até 3% do imposto devido pode ser destinado ao fundo, sem que a pessoa gaste a mais com isso.

Essa modalidade de doação foi criada em 2019 e garante ao cidadão a oportunidade de decidir como parte do seu Imposto de Renda será gasto, contribuindo para a promoção de ações voltadas às pessoas idosas.

computador no site da receita federal As doações são feitas para entidades de atendimento ao idoso – Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil/Arquivo/ND
+

Impostos