Conteúdo por Gazeta Esportiva

Brasil busca classificação contra a Arábia Saudita em Tóquio

Partida será apenas a segunda vez que países se enfrentam nas Olimpíadas

A Seleção Olímpica masculina volta a campo nesta quarta-feira (28) pela terceira e última rodada da primeira fase do torneio de futebol nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. O Brasil encara a Arábia Saudita, às 5h (de Brasília), em Yokohama.

Brasil busca classificação contra a Arábia Saudita em Tóquio – Foto: Lucas Figueiredo/CBF/NDBrasil busca classificação contra a Arábia Saudita em Tóquio – Foto: Lucas Figueiredo/CBF/ND

Os brasileiros estão praticamente classificados, mas buscam a vitória para terminarem na primeira colocação do grupo D. No momento, a Seleção tem quatro pontos e é primeira colocada. A Costa do Marfim tem a mesma pontuação, mas fica atrás pelo saldo de gols. Já a Alemanha soma três pontos, na terceira posição.

Na lanterna, a Arábia Saudita, próxima adversária do Brasil, perdeu todos os jogos que disputou em Tóquio até aqui. Portanto, ainda não marcou pontos.

Para a escalação brasileira, o técnico André Jardine tem um desfalque certo. O volante Douglas Luiz foi expulso durante o empate em 0 a 0 com a Costa do Marfim e agora dará lugar a Matheus Henrique.

Em entrevista coletiva na véspera da partida, o técnico André Jardine elogiou a equipe saudita e projetou o confronto, que vale vaga na próxima fase da competição. A Arábia Saudita não tem mais chances de classificação, mas nem por isso deve fazer um jogo menos disputado, analisou o técnico:

“A Arábia Saudita é uma ótima equipe, é uma seleção que se classificou com muitos méritos e nas Olímpiadas fez dois jogos muito equilibrados, na nossa opinião. Vai ser um jogo muito difícil. Não temos expectativa nenhuma de ter facilidade. Mesmo com eles fora das quartas de final, acreditamos que irão fazer uma final de Olímpiada e farão seu último jogo, de despedida. Sabemos o peso que tem ganhar de uma Seleção Brasileira para qualquer outra seleção, então não tem ‘almoço de graça’, será mais um jogo difícil e duro”, comenta.

Um reencontro 36 anos depois

Este será o segundo confronto entre Brasil e Arábia Saudita na história dos Jogos Olímpicos. A primeira vez em que os dois se enfrentaram foi na Olimpíada de Los Angeles, em 1984.

Na ocasião, a Seleção Brasileira venceu por 3 a 1, com gols de Gilmar Popoca, Silvinho e Dunga. O Brasil terminaria aquela campanha com a medalha de prata, enquanto a Arábia Saudita daria adeus ainda na primeira fase, com três derrotas em três jogos.

FICHA TÉCNICA:

BRASIL X ARÁBIA SAUDITA

Local: Estádio Internacional, em Yokohama (JAP)

Data: 28 de julho de 2021, quarta-feira

Hora: 5h (de Brasília)

Árbitro: Bamlak Tessema (ETI)

Assistentes: Mohammed Ibrahim (SUD) e Gilbert Cheruiyot (QUE)

BRASIL: Santos, Daniel Alves, Nino, Diego Carlos e Guilherme Arana; Matheus Henrique, Bruno Guimarães, Antony e Claudinho; Richarlison e Matheus Cunha.

Técnico: André Jardine

ARÁBIA SAUDITA: Al-Rubaie, Shahrani, Hindi, Amri e Abdulhamid; Al-Faraj, Al-Hassan, Al-Dawsari, Al-Najei e Khulaif; Hamddan.

Técnico: Saad Ali Al Shehri

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futebol Brasileiro

Loading...