Inter tem um “minipaulistão” pela frente no Campeonato Brasileiro

Colorado vai encarar na sequência quatro equipes paulistas, três delas inimigas diretas na luta por vaga na Libertadores. Primeiro adversário é o Palmeiras, domingo, em São Paulo.

Em sua luta para terminar o Campeonato Brasileiro na zona de classificação direta para a Libertadores de 2022, o Internacional tem pela frente um “minipaulistão”.

Os próximos quatro jogos são contra os quatro melhores clubes de São Paulo no Brasileirão – pelo menos três deles, adversários diretos na luta pela vaga à principal competição de futebol do continente.

O primeiro deles será nesta domingo, às 17h, na Arena Palestra, contra o Palmeiras. Atual sétimo colocado, se vencer o confronto o Inter ganhará ao menos uma posição na rodada.

Diego Aguirre não quer excesso de otimismo no Beira-Rio – Foto: Ricardo Duarte/Inter/DivulgaçãoDiego Aguirre não quer excesso de otimismo no Beira-Rio – Foto: Ricardo Duarte/Inter/Divulgação

O Inter conta com um grande reforço para encarar o desafio: Edenilson. O volante está com a Seleção Brasileira para a disputa das Eliminatórias e, depois da partida contra o Uruguai, na noite de quinta, se reapresentará no Beira-Rio – a previsão é de que esteja em Porto Alegre já nesta sexta-feira.

“Os jogadores estão se esforçando muito, mostrando hierarquia, atitude, compromisso e determinação. Quando se tem tudo isso, além da qualidade individual, você está perto de que as coisas aconteçam”, elogiou nesta quinta-feira, em entrevista coletiva, o técnico Diego Aguirre.

Por enquanto, o desfalque certo no Colorado é o zagueiro Bruno Méndez, que se recupera de lesão na coxa direita e não deve estar em campo em nenhuma das partidas. Seu substituto é o argentino Mercado, que atuou na vitória por 3 a 1 contra o América-MG e não comprometeu.

O meia-atacante Patrick deixou o campo sentindo dores na virilha esquerda e, ainda na tarde desta quinta, seria submetido a exames clínicos para saber a gravidade da lesão.

Aguirre sabe que esses quatro jogos poderão ser, para o Inter, um divisor d’águas no Brasileirão. Apesar das duas recentes vitórias, o treinador tenta conter o otimismo. “Estamos em uma fase que é positiva, só isso. Não conseguimos nada. Temos que cuidar esse momento, não pensar que somos mais do que ninguém, e continuar trabalhando.”

Conheça os adversários de SP:

Palmeiras, 17/10 (domingo), 16h, na Arena  Allianz Parque: quinto colocado, com 40 pontos, o Alviverde vem em decadência na competição. Nos últimos cinco jogos, perdeu três e empatou dois. O time está na final da Libertadores, mas o técnico Abel Ferreira disse que não pensa em poupar atletas – a partida será dia 27 de novembro.

Bragantino, 21/10 (quinta), 20h, Beira-Rio: É o melhor dos paulistas na competição, na quarta posição, com 41 pontos. O clube administrado pela Red Bull vem mantendo muita regularidade para cumprir seu projeto de disputar da Libertadores de 2022. Desde o início da competição está na parte de cima da tabela. Vem de duas vitórias consecutivas.

Corinthians, 24/10 (domingo), 16h, Beira-Rio: Algoz colorado no atual milênio, o Timão é o sexto na tabela, com 40 pontos. Venceu três de seus últimos cinco jogos e está embalado. Seu estilo lento, oferecendo o contra-ataque, pode favorecer o Inter.

São Paulo, 31/10 (domingo), 18h15, Morumbi: O atual campeão paulista está mais perto de cair para a Série B do que de chegar à Libertadores. Mesmo assim, é um adversário perigoso e, no primeiro turno, no Beira-Rio, venceu por 2 a 0. Esta semana, o clube dispensou o argentino Hernán Crespo e recontratou para seu lugar o técnico Rogério Ceni. Resta saber como vai reagir daqui a 15 dias.

Obs.: o último confronto do Inter contra paulistas no Brasileirão será dia 28 de novembro, contra o Santos, no Beira-Rio.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Inter

Loading...