Conteúdo por Gazeta Esportiva

Tiago Nunes ressalta persistência do Athletico-PR e elogia Vitinho, autor do gol

O Athletico-PR bateu o Internacional em um jogo movimentado pelo Brasileirão, neste domingo, em que o gol saiu apenas nos últimos minutos. Em entrevista coletiva na Arena da Baixada, o treinador Tiago Nunes ressaltou o gol que saiu na persistência do Furacão.

“Desde o princípio tentamos vencer o adversário e fomos premiados com um gol de um jovem. Tem um gosto especial por ser um gol que vem da persistência, da luta. Eles colocaram muitos jogadores de defesa dentro da grande área. Então é difícil achar um chance clara de gol, com um adversário que nos marcou bem. Valeu os três pontos e a dedicação de todo mundo e agora é focar na recuperação e continuar na busca incessante pelas vitórias”, analisou o comandante.

O “gol da persistência” saiu dos pés do garoto Vitinho, que entrou na segunda etapa para mudar a partida. Tiago Nunes aproveitou para elogiar a atuação do garoto e falar de sua relação com ele.

“Eu fico muito feliz de estar participando do processo de formação do Vitinho. Foi um dos atletas que eu treinei desde a minha chegada no Athletico. Foi titular comigo no sub-19 em uma boa parcela do tempo. Sofreu com algumas lesões na base. Foi crescendo e amadureceu muito no Aspirantes, jogando em uma posição como ala-esquerdo. Então fiquei muito feliz com a atuação dele, mais uma vez é a importância da formação do Athletico. A nossa busca é pela solução caseira, dentro do próprio elenco”

Depois da vitória pelo Brasileirão, o Furacão volta as suas atenções para o jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, a equipe encara o Flamengo, no Maracanã, às 21h30. Tiago Nunes analisou o confronto, e relembrou o bom retrospecto que tem no estádio.

“Falar do tamanho do Flamengo é chover no molhado. É um clube gigante, com um apoio maciço da torcida e que vai tentar nos superar. Desde que eu assumi o Athletico-PR, tenho uma história com o Maracanã muito bonita. Fizemos três jogos lá, vencemos dois e perdemos um, em que o resultado escapou no detalhe. O nosso grupo é forte mentalmente e nós vamos lá para tentar vencer. Não vamos mudar nossa maneira de jogar, vamos respeitando muito a grandeza do Flamengo. Com essa humildade, mas também com a coragem para buscar mais uma vez algo histórico para marcar novamente a nossa trajetória dentro do clube”, finalizou.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Futebol Brasileiro

Loading...