Fábio Machado

fabio.machado@ndmais.com.br Rotina, contratações e análise dos jogos dos clubes catarinenses. A história do futebol no Estado é resgatada com postagens que relembram os títulos e jogadores que marcaram Santa Catarina.


Tite faz convocação questionável e abre margem para contestação

Treinador convoca jogadores que não vivem um bom momento e deixa de fora os destaques brasileiros na temporada passada

Convocação da Seleção Masculina Principal para os amistosos de novembro – Foto: Lucas Figueiredo/CBF/NDConvocação da Seleção Masculina Principal para os amistosos de novembro – Foto: Lucas Figueiredo/CBF/ND

O Tite anunciou hoje os 26 convocados para as partidas contra o Equador e Paraguai, e mais uma vez abriu margem para a contestação da torcida e da imprensa. Alguns nomes da lista, como Daniel Alves, Philippe Coutinho e Everton Ribeiro causaram estranheza.

Vamos lá… Com o Brasil já classificado para a Copa do Mundo, os jogos deveriam ser de testes para abrir o leque de opções. Mas parece que o Tite prefere continuar com a sua vasta teimosia.

Daniel Alves? Embora exista uma escassez de laterais-direitos, a insistência em Daniel Alves, que recém chegou ao Barcelona, reforça o quanto o treinador não tem solução para um sério problema na seleção: a lateral-direita.

É inegável a história de Daniel Alves, acredito que ele possa agregar em experiência em uma Copa do Mundo estando no elenco, mas não tem mais aquele futebol para ser titular ou para segurar um ala rápido. Ele não é mais um jovem.

Philippe Coutinho? O jogador recém foi para o Aston e não vive a melhor fase da carreira. Tem potencial para decidir? Claro que tem, mas será que não seria hora de testar alguém diferente? Talvez se tiver oportunidade no  time inglês possa voltar a ser aquele Coutinho decisivo, mas agora está longe de merecer uma vaga na seleção.

E agora vem a decisão que o Tite pode até tentar justificar, mas não existe justificativa… Everton Ribeiro? Acho  que nem o próprio jogador acreditava na convocação. Ele é um excelente meio-campo, mas fez uma temporada bem abaixo do esperado, reflexo do Flamengo em 2021.

A dúvida que fica é… Raphael Veiga, Guilherme Arana, até mesmo o Hulk, são estrangeiros? Todos os citados fizeram uma temporada acima da média em seus respectivos clubes e mereciam pelo menos uma oportunidade com a amarelinha. Tite continua com convocações que ninguém entende nada e deixa de fora quem faz por merecer.

De positivo, a convocação de Raphinha e Gabriel Magalhães, dois jogadores que se formaram nas categorias de base do Avaí. De Santa Catarina para o mundo!

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...