Avaí derrota o Operário e fica apenas dois pontos do G4 da Série B

Copete, uma das melhores armas no setor ofensivo do Leão da Ilha, aproveitou a falha na defesa para garantir os três pontos

O Avaí venceu o Operário-PR por 1 a 0, na noite desta quinta-feira (22), em Florianópolis, e fica apenas dois pontos de entrar na zona de classificação para a Série A.

Copete conduz a bola, está de costas e é possível ver o número 36 em sua camisaCopete foi o responsável pelo único gol da parte – Foto: Frederico Tadeu/Avaí/ND

Enquanto tudo se encaminhava para um 0 a 0, o goleiro Simão cobrou o  tiro de meta nos pés do atacante Copete, que não desperdiçou a oportunidade.

O JOGO

Com bola rolando, os dois times começaram se estudando, mas com poucas oportunidades para abrir o placar. Entre cobranças de laterais e escanteios, o Operário foi o primeiro a levar perigo. Aos 13 minutos do primeiro tempo, Djalma Silva aproveitou o espaço para arriscar o chute, mas saiu rasteiro, direto nas mãos do goleiro Glédson.

Pelo lado dos donos da casa, o primeiro lance de perigo veio em uma cobrança de falta de muito longe. Na ocasião, Edílson bateu firme, obrigando o goleiro Simão a trabalhar, mas, no rebote, o atacante Copete não conseguiu concluir para o gol.

Enquanto o experiente lateral levava perigo nas bolas paradas, Copete era a válvula de escape pelo lado direito, sendo uma das melhores alternativas no setor do ataque, mas esbarrava em uma boa partida do zagueiro Filemon.

Passando da metade do primeiro tempo, o Fantasma conseguiu criar com o atacante Djalma Silva, no lado esquerdo, mas Glédson desviou com as pontas do dedo.

SEGUNDO TEMPO

O técnico Claudinei Oliveira sacou Vinicius Leite para a entrada de Renato, autor de dois gols na vitória diante do Cruzeiro, que mostrou se entender com Copete pelo lado direito do ataque. Porém, o volante Marcos Serrato não estava em uma boa noite, fator que dificultou o setor de criação do Leão da Ilha.

Quando tudo se encaminhava para um 0 a 0 frio, como a noite desta quinta-feira, em Florianópolis, o goleiro Simão bateu o tiro de meta nas pernas de Copete, que teve a dificuldade apenas de chutar no canto superior direito.

Após o gol, o Operário ocupou mais o setor ofensivo, mas pouco fez para empatar o marcador. Enquanto isso, a defesa do Leão da Ilha segurava em faltas pelas laterais.

Veja o que disse Copete no fim do jogo

COMO FICA

O Avaí pula para a 5ª colocação com 21 pontos, ficando apenas dois de Guarani e Goiás, dentro da zona de classificação para a Série A. Enquanto isso, o Operário despenca para a 10ª posição, aumentando a diferença para cinco pontos.

Agora, o Leão da Ilha recebe o Brasil de Pelotas no domingo (25),  às 20h30, no estádio da Ressacada, em Florianópolis. O Operário-PR recebe o Coritiba, também no domingo (25), às 18h15, no Estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa (PR).

FICHA TÉCNICA

Avaí: Glédson; Edílson (João Lucas), Rafael Pereira, Betão e Diego Renan; Marcelo Serrato (Jean Cléber), Wesley (Valdívia e Lourenço; Copete, Jonathan (Júnior Dutra ) e Vinícius Leite (Renato). Técnico: Claudinei Oliveira.

Operário-PR: Simão, Fábio Alemão, Reniê, Rodolfo Filemon e Fabiano (Thomaz), Leandro Vilela (Rafael Chorão), Leandrinho e Marcelo (Marcelo Santos); Rodrigo Pimpão (Ricardo Bueno), Felipe Garcia (Rafael Oller) e Djalma Silva. Técnico: Matheus Costa.

Gol: Copete (34º/2T)

Cartões: Edílson (AVA) e Wesley (AVA); Fábio Alemão (OPE), Filemon (OPE), Marcelo Santos(OPE) e Rodrigo Pimpão (OPE).

Arbitragem: O responsável por apitar o jogo será Emerson de Almeida Ferreira (MG). Os auxiliares serão Ricardo Junio de Souza (MG) e Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG).

Local: Estádio da Ressacada, Florianópolis (SC)

Data e horário: Quinta-feira (21), às 21h30.

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Avaí

Loading...